Páginas

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Tua presença

Tua presença.



Terna a sua presença,
É como o toque
Da brisa!


Sonhar contigo na noite fria
É como o calor
Do sol!


Amar-te na relva
É como flor
Para o beija-flor


Ver-te tanto assim
É como luz
Da Lua na noite do sertão!


E em mim encerra esta doce emoção.



Inspirado em comentário de Juli Lima(Recanto das Letras) por email.
Toninhobira
03/08/2010

4 comentários:

  1. Lindo, suave, doce e perfumado poema!
    Amo te ler meu amigo, pois sei que
    tudo que é tecido por suas mãos são
    palavras ditadas por seu coração...
    Aplausos sempre a ti!!!
    Olha aí, tá sentindo? É a chuvinha
    de carinho que acabo de deixar pra ti...
    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde Toninho.
    Lindo poema, e com um toque da mais pura emoção.
    Obrigado amigo pelas palavras sobre meu aniversário no blog da flor.
    Um abraço do teu leitor.

    ResponderExcluir
  3. Passei e fiquei
    maravilhada

    VOU VOLTAR

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.