Páginas

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Qual a sua?

“Ninguém sabe a mágoa que trago no peito
Quem me ver sorrir desse jeito
Nem se quer sabe a minha solidão. ”   (Benito de Paula)                             










imagem google



Observo achando engraçada esta coisa da casca, da embalagem. A pressão da imagem sobre a essência. Verdades se ocultam atrás de um sorriso verdades debaixo de uma maquiagem. Assim temos frutos mais bonitos e menos saborosos. Flores mais coloridas mas sem vida. Pessoas mais lindas, mas vazias como rio que secou e seu leito virou estrada de pedregulhos, o vazio.

Há um perfume exagerado espalhado pelo ar a nos embriagar e querer encobrir  toda a podridão que se alastra por todo o seio da sociedade. Perfuma-se demais e se deteriora na alma e nas relações com os semelhantes.O sorriso uma mascara para o vazio, para as terríveis decepções, frustrações, numa sociedade com o exercício devastador as leis do mais querer e do ter. 

Perde-se o senso de responsabilidade e de compromisso com o mais importante de cada ser é assim vemos pessoas sorrindo, mas pessoas tristes excludentes, espalhando todo tipo de preconceitos e fobias.

Onde vai parar esta corrida desenfreada?
Pessoas se perdem, não conseguem ver um palmo ao seu lado, que seja em direção ao irmão. Viver o mundo do individual no olhar perdido no próprio umbigo ornado com piercing de aço, a fazer parceira com o coração de ferro.

Clamamos um mundo de pessoas fraternas irmanadas no objetivo comum do bem estar. É o mais lindo dos sonhos, que alimentam o motor, que cremos poderá mudar os rumos de nossa sociedade degradada por estes sentimentos de exclusão, por sentimentos de imagem.


Beleza pode ser fundamental, mas que será dela sem a força que faz pensar, criar?


Toninhobira.
17/11/2010.

14 comentários:

  1. Oi meu amigo,
    É um belo texto que li e fico a imaginar, quantas pessoas vivem algum drama semelhante ao que tu retrata.
    Quantas máscaras são usadas, por motivo de algum tipo de preconceito, alguma exclusão, ou mesmo para disfarçar um sofrimento?
    Mais uma vez foste feliz na abordagem de um tema que pouco é falado, mas sentido por muitos.
    Um fraterno abraço, felicidades.

    ResponderExcluir
  2. A vida é estar em cena todo dia, mas de verdade, beijo Lisette

    ResponderExcluir
  3. Olá, amigo!
    Tudo o que você disse, acontecesse o tempo todo ao nosso redor...
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Itabira.

    ResponderExcluir
  4. Ótimo, já fiz anteriormente alguns textos, não tão poéticos quanto o seu, mas tratando desta temática que tem várias vertentes do ser humano.
    Esperanças não podem nos faltar de termos um mundo mais sensível, solidário, enfim humano.
    Bom final de semana.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Texto magnífico, meu querido Toninhobira!
    Matéria para reflexão...
    É preciso pensar bastante sobre o tema que você , tão bem, aborda.
    Grata, amigo!
    Abraço bem forte!

    ResponderExcluir
  6. OI TONINHO, A VIDA É ASSIM MESMO, EU COMPARO A UMA SALADA, TEM FRUTAS BOAS E MENOS BOAS, MAIS TODAS MMISTURADAS DÁ PARA IR LEVANDO. SEGUNDO A NOSSA DOUTRINA OS MAUS EXISTE PARA QUE POSSAMOS APRENDER COM ELES É NECESSÁRIO AINDA, MAIS JA COMEÇOU A MUDANÇA DO PLANETA, DE EXPIAÇÃO E PROVAS PARA MUNDO DE REGENERAÇÃO, PRESTA ATENÇÃO NAS CRIANÇAS QUE ESTÃO VINDO INTELIGENTES E BOAS.FICA TRISTE NÃO POETA, O IMPORTANTE É VC SER BOM , MAIS VALE UM GESTO DE AMOR DO QUE MIL PALAVRAS. UM ABRAÇO DE CARINHO. cELINA

    ResponderExcluir
  7. O fetiche da mercadoria do qual Marx falava e foi sumariamente linchado da nossa vida, é isso a que estamos assistindo: a humanização das coisas, do objeto, da mercadoria em troca da coisificação do ser humano. E a maioria acha isso lindo, cada um é cada um e dane-se o coletivo. Triste, meu amigo. Muito triste. Meu abraço. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  8. Verdade meu amigo, e foi me baseando em coisas assim que escrevi "Almas Enlutadas", porque por mais que saibamos que no mundo existem pessoas assim, sempre nos surpreendemos, e é inevitável o sofrimento... Mas, o mal existe em nosso meio para que aprendamos a discernir cada dia mais o joio do trigo... E mesmo que em meio ao joio exista só uma alma boa já terá valido a pena a procura e a confiança... É válido lembrar que tudo que plantamos colhemos... Sábia, verdadeira, e muito reflexiva a tua cronica!

    Vejo tantos sonhos deslizarem pelas curvas da noite
    Ingênuos a pisar descalços em cacos afiados de falsidade...
    E vejo olhos sarcásticos com sorrisos debochados...
    Ouço passos nas sombras das mesquinhas inverdades...

    Como explicar essa chaga invasora das almas...?
    É como um abismo solitário que amedronta...
    Vejo emergir, vivos e bizarros, todos os silêncios
    Engolindo de dentro p'ra fora a pureza dos sentimentos...

    Amigo, deixo a ti um abraço de linda noite, e meu carinho... Bjsss

    ResponderExcluir
  9. Oi Toninho, gostoso passear vendo o som da comunhão,enquanto ouço o teu coração humanitário indignar-se com o individualismo. A sua voz se faz a minha. Um beijo e estou com saudades.

    ResponderExcluir
  10. É isso meninu poeta com grande coração, gostaria de ver um lindo mundo maravilhoso, não só em minha mente, mas um mundo de mais realidade em amor fraternal, em sermos um só com nosso próximo, nosso semelhante, sentir de verdade não só em minha utopia.Ta maravilhoso seu post.
    om carinho
    Hana

    ResponderExcluir
  11. Meu querido amigo, já esgotei o meu vocabulário de palavras para definir sua escrita.
    E agora...que fazer?
    Apenas te posso dizer adorei, adorei, adorei.

    Beijinhos de luz e muita paz

    ResponderExcluir
  12. Quem sabe um dia essas pessoas resolvem tirar suas máscaras, olhar mais ao seu redor, estender as mãos ao próximo, daí sim o mundo será melhor.

    Um bom dia Toninho.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  13. Deveríamos nos acostumar verdadeiramente a observar a essência, isso é o que mais importa.
    Sigo-te.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.