Páginas

domingo, 27 de janeiro de 2013

Vidas que se apagam.


Sempre que nos deparamos com uma tragédia, ficamos chocados com os números de vidas que se apagam, sejam elas por causas naturais, criminosas ou culposas e irresponsáveis como as do transito. A tragédia de Santa Maria no Rio Grande do Sul, onde dezenas de jovens estudantes perderam as vidas de uma forma brutal, como pássaros engaiolados lançados numa fogueira, com asas e sem poder voar.

Prega-se nos estudos de segurança que a melhor definição desta é a eterna vigilância e que os acidentes não acontecem por acaso, o que nos faz concluir, que eles são programados, quando não se respeita parâmetros desta vigilância. Assim nos parece a causa fatal desta tragédia, que marcará para sempre a vida daquela cidade e muitas pessoas envolvidas.  

A imprensa em geral se dedica na melhor reportagem, nas melhores imagens e vídeos e para tal mobilizam todos os recursos, mas logo tudo cai no famoso esquecimento como numa amnésia, até que outro fato venha nos consternar, como as tragédias com fortes chuvas tem nos revelado. Lições não são tiradas destes episódios, para se criar procedimentos, que no futuro possam nortear as mudanças, que sejam efetivas no sentido de poupar vidas e amenizar sofrimento e custos para toda sociedade.

Neste momento de profunda tristeza no Sul do país, sou solidário à todos que de uma forma ou outra estão sofrendo os efeitos desta tragédia. Mas que agora cada um seja fiscal, um cobrador, um cidadão que exige das autoridades o real funcionamento dos órgãos. Chega de omissão e apatia, pois pode representar uma arma carregada apontada para o peito. Sabe-se que por omissão permitimos que as coisas aconteçam e temos nossa “mea culpa”. 

Paz e conforto a todos aqueles que perderam parentes e amigos e que as autoridades sejam responsáveis com os erros apresentados, para que tal tragédia não venha acontecer com os efeitos agora presenciados.

Toninho.
27/01/2013.

23 comentários:

  1. Olá Toninho,
    Que tragédia!!!
    Fico aqui pensando nas inúmeras famílias que perderam seus entes queridos e no momento de desespero de tantos jovens que estavam ali para se divertir. Ah!!! Espero que a fiscalização com outros locais assim, sejam ferrenhas daqui por diante.
    Tudo de bom.

    ResponderExcluir
  2. Olá Toninho
    Estamos irmanados numa corrente de oração pelos familiares das vítimas. Amigo vim te fazar um pedido. Tá rolando uma gincana super legal lá no "Ô Trocyn Bão"
    Estou participando com um poema bem estiloso numa linguagem do caipira mineiro. E estou pedindo seu voto. Acesse o link: http://www.riosul2012.com/2013/01/gracita-chegada-do-mineirim-no-o-trocyn.html
    Meu muito obrigada! Beijinhos no coração!
    Gracita

    ResponderExcluir
  3. Tragédia, infelizmente anunciada. pena que aconteceu!!!Incrível!!!
    TRIsteza! abraços praianos,chica desejando Força às famílias enlutadas!

    ResponderExcluir
  4. É Toninho é uma tristeza só, ficou a lição amarga,tanta dor e sofrimento.Nosso Evangelho no lar e feito todos os domingos as dez horas, hoje oramos por todos principalmente pelos que ficaram.Um abraço amigo. Celina

    ResponderExcluir
  5. Eu estou chocada, sempre me pergunto, como pode um lugar assim funcionar, será que eles não imaginam a possibilidade de acidentes e assim preparar o ambiente para qualquer tipo de acidente? Como pode uma casa que é posta para funcionar, sabendo que ali vai comportar tantas gente , e só há uma saída? Isso é um verdadeiro absurdo e mais absurdo ainda são as autoridades permitirem o funcionamento de um lugar assim. Agora está ai o resultado. Que Deus dd alento e conforto para essas almas que partiram de maneira tão brutal e para seus entres queridos que agora sofrem. Abraço querido Toninho, assino em baixo das tuas palavras.

    ResponderExcluir
  6. Oi Toninho
    Texto muito bem escrito, palavras de muita sabedoria e propriedade.
    Como você disse, daqui a pouco cai no esquecimento, até que outra tragédia aconteça.
    Que este fato lamentável e triste, possa servir de exemplo para outros estabelecimentos de diversão, que não se preocupam em cuidar da segurança de seus clientes.
    Obrigada pela sua presença constante e simpática lá no bloguito.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  7. Olá querido poeta!
    Adorei seu texto, já tinha lido e comentado no face.
    Amigo, quero te convidar pra conhecer meu blog, que com a ajuda da mana (Vivian) nasceu. rsrs.
    Adoraria a sua visita por lá.

    Beijos e o meu carinho.

    http://lis-inspirada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Muita tristeza por tanta vidas ceifadas e por confirmarmos quanto inseguros todos nos encontramos por não fazermos essa vigilância.
    Solidarizemo -nos com a dor destas famílias que perderam seus entes amados e nos conscientizemos do quanto precisamos ter atitude.
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Uma imensa tristeza que abala a todos. Infelizmente, quase sempre, quando uma tragédia deste tipo acontece é porque faltaram algumas medidas de segurança que não poderiam faltar.
    Agora, vamos orar pelas pessoas que partiram e também por todos os seus familiares e amigos que muito estão sofrendo.
    Esperamos que as autoridades investiguem com bastante critério para que no futuro novas tragédias não venham acontecer.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Linda homenagem amigo...estou chorando neste momento...não tenho palavras para descrever...

    ResponderExcluir
  11. MEU QUERIDO!
    MOMENTOS COMO ESSES TEMOS QUE MOSTRAR NOSSA FORTALEZA DIANTE DE DEUS .TUDO POE ELE...QUANDO DIZEMOS QUE UMA FOLHA SÓ CAI PELO CONSENTIMENTO DELE,NÃO PODEMOS TER DÚVIDAS DE MAIS NADA ...
    VAMOS NOS UNIR EM PRECES PELOS QUE FORAM ANTES DE NOS.
    " Que teus anjos velem pela sua chegada ao mundo espiritual.
    Que eles possam compreender o que se passou.
    Que saibam o porquê desse acontecimento.
    Que reencontrem seus entes queridos.
    Que se sintam amparados.
    E iluminados pela tua Presença.
    Assim seja."
    BEIJO-TE SILENCIOSAMENTE !!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  12. Toninho,um texto que diz tudo que ficou engasgado em minha garganta e de muita gente tb!Precisa acontecer uma tragédia dessas para os governantes tomarem alguma atitude.Lamentavel!boa semana pra vc!

    ResponderExcluir
  13. Verdade infelizmente as autoridades permitem que muita coisa aconteça....maior rigor e fiscalização daqui para frente.
    Abraço Lisette.

    ResponderExcluir
  14. Triste, muito triste. O pior é que sabemos que nada vai mudas.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  15. Triste demais...
    Imagino os pais... ainda estão anestesiados, e com certeza vai demorar pra cair a ficha... eles vão precisar de muito apoio, pois a família está dilacerada... muito triste!

    Beijos....

    obrigada, por sua visita sempre tão carinhosa, no meu blog.

    ResponderExcluir
  16. OI TONINHO!
    MORO EM PORTO ALEGRE,MAS SOU DE SANTA MARIA, LÁ TENHO PARENTES, MUITOS SOBRINHOS, MAS, GRAÇAS AO "PAI",NINGUÉM DOS MEUS ESTAVA NESTE LUGAR.
    ESPERO QUE APÓS A PERDA DE TANTAS VIDAS ALGO SE MODIFIQUE, LEIS SE APRIMOREM, PARA QUE OS JOVENS TENHAM O DIREITO DE VIVER SEU MOMENTO SEM CORREREM ESTE TIPO DE PERIGO, FRUTO DA IRRESPONSABILIDADE DE ALGUNS.
    BELO E SENSÍVEL TEXTO AMIGO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  17. Olá meu amigo querido. Esse teu texto é emoção pura. Não sei nem o que comentar, porque nada do eu diga aqui será a palavra certa para aqueles que estão sofrendo. Peço a Deus que cuide de cada coração do melhor modo.
    Estou de volta, com muitas saudades .Beijo

    ResponderExcluir
  18. Toninho, querido amigo!
    A tragédia de Santa Maria ultrapassou os limites de fronteiras em nosso país, estamos todos chocados e desanimados com tanta incapacidade do poder público e dos órgãos responsáveis pela segurança do nosso povo, dos nossos jovens, principalmente, que têm morrido em grande escala com tudo isso que nos impõe esta corrupção há tempos deslavada.
    Me sinto impotente, como tantas outras pessoas, não sei mais o que fazer, já militei, já me manifestei em redes sociais, mandei emails para jornais, sempre me manifestei, nunca calei-me, mas vejo que a corrupção é maior do que qualquer coisa atualmente, não tem solução, pelo menos a curto prazo, acho que não verei isso se resolver nesta vida, estou mesmo desiludida com meu país.
    Meu filho morou no sul do Brasil também, numa cidade universitária, e contou-nos que é assim também por lá, muita corrupção e pouca fiscalização.
    Sinto muitíssimo por todos estes pais, coloquei-me no lugar deles ontem e por respeito, preferi ficar Off o dia todo, só retornando agora à noite. Estou mesmo muito desolada com este acontecimento trágico.
    desculpe se me alonguei, acho até que estou sendo pessimista demais, mas é o que sinto neste momento.
    um grande abraço carioca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beth, eu vivo toda esta coisa que chamamos de desesperança.A irresponsabilidade é geral em varios setores e quando se fala de fiscalização entende-se como maquiagem e corrupção,como se fosse uma miseravel cultural arraigada.Vivemos uma tragedia no ensino publico de segundo e primeiro grau e nada se faz,parece que vivemos num país de faz de conta.Solidário com seu desabafo coerente real.Um abração.

      Excluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Excluí o comentário por um lapso de grafia (rss).

    Meu amigo, os dias passam e os meus pensamentos não se afastam daquela tragédia. Só se ouve falar em busca de culpados, mas o maior deles é o próprio poder público. Regras existem mas seu cumprimento passa pelo suborno e pelo descaso. Bjs.

    ResponderExcluir
  21. Uma tragédia que poderia ser evitada. Infelizmente foge da nossa compreensão. Que este fato conscientize o poder público para cuidar com mais zelo , severidade e honestidade os lugares que a população frequenta.

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.