Páginas

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Será que fui eu?

Claro que não fui, foi ela nossa amiga Celina que belamente reuniu num livro todas suas lembranças de vida bem vivida ao longo dos anos e nos brindou com um livro gostoso de ler, onde conta casos com toda uma graça. É como se ela estivesse numa daquelas cozinhas de casas do interior, que ficam nos fundos das casas como Rubem Alves bem define, onde a familia se reune pelas noites, para contar causos saboreando as guloseimas de um forno ou fogão à lenha, é esta a emoção, que senti ao ler o livro, que me fez voltar ao passado em cada estoria. 

É um livro que pode ser lido abrindo aleatoriamente uma pagina, como aqueles livros de pensamentos e sabedorias. Tenho a grata satisfação de possuí-lo com um belo preciso prefacio assinado por Daniel Henrique Gregório de Albuquerque que bem se mostra sensibilizado com as estórias contadas por Celina.

O livro teve um belo lançamento como tivemos oportunidade de ver pelas fotografias em seu blog, onde a família se faz presente em suas gerações. Ela se apresenta como uma mulher bem família, que viajou por este Brasil com seu companheiro por necessidade do trabalho e assim, com arte coletou amigos por onde passou e foi abastecendo sua sacola de contos e causos.

Quem conhece a Celina sabe de seu coração pulsante e doador. Já lemos em Chica sobre seu prazer em presentear os amigos, pois que isto lhe afaga ainda mais o coração doador. Eu tive a grata satisfação de conhecê pessoalmente numa de suas passagens por Salvador com sua filha Vera, uma fiel escudeira.

Parabéns Celina, seu livro vem coroar sua trajetória neste mundo e concluir mais uma etapa, uma vez que creio já plantou algumas arvores por aí, que frutificam como os belos filhos que tem. Um livro coletânea que desperta o nosso prazer da leitura, ao nos remeter para um tempo onde muitos de nós vivemos semelhanças.

Parabéns e obrigado Celina por compartilhar suas emoções neste livro, que marca definitivamente sua passagem pela arte da escrita.

Toninho.
*******************************************************
 Para quem não conhece siga o link para conhecer seu blog 
http://seraquefuieu.blogspot.com.br/ 

16 comentários:

  1. O livro da Celina é realmente muito lindo, bom de ler, nos prende e cheio do seu jeitinho querido de ser!

    Adorei aqui tua apresentação dele!

    abração aos dois, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá Toninho
    Deve ser realmente uma leitura bem gostosa. Celina é o nome de minha mãe que já está com seus 89 anos, sudável e lúcida.
    Abração

    ResponderExcluir
  3. Olá, querido amigo!

    Me deixaste curiosa quanto ao livro.
    A maneira com que escreveste é ótima.
    Parabéns!
    Não posso deixar de agradecer sua visita em meu blog. Sempre me deixas muito feliz, até comentei com a mana hoje que os elogios vindo de você me deixam radiante e muito orgulhosa.
    Muito obrigada querido, por seu carinho.
    É recíproco.

    Beijos e abraços.

    ResponderExcluir
  4. Toninho agradeço as suas belas palavras sobre o meu livro,ele foi feito de amor!Fico feliz que amigos como voce,Xica e Anne saibam valorizar o trabalho dos amigos com belas palavras.
    Muito obrigado por tudo,abraços Celina

    ResponderExcluir
  5. Como vc o descreve da vontade de ler mesmo... parece que é otimo...
    Beijos Toninho...

    ResponderExcluir
  6. Meu amigo

    Que apresentação encantadora você fez! Certamente o livro dela tem magia, aquela que mencionou, dos casos contados na cozinha (creio ser típico de nós, mineiros). Desejo que ela tenha sucesso e, na primeira oportunidade, vou também lê-lo. Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Toninho, amigo! Você me deixou muito curiosa. Vou lá conhecer a Celina e curtir a página dela. E sim, sua resenha é linda!

    Obrigada pelo carinho e perdoe a minha ausência.
    Pretendo ficar agora por aqui. Abraço forte

    ResponderExcluir
  8. Seu carinho ao homenagear o livro de sua amiga Celina é muito bonita Toninho.E com certeza deve ser maravilhoso!Você é mesmo uma pessoa especial.

    Um beijinho querido

    ResponderExcluir
  9. Deu vontade de ler e conversar na varanda,coisa tal rara hoje.
    beijos Toninho!

    ResponderExcluir
  10. Sua amiga Celina ficará feliz com as suas palavras.Palavras de um amigo é sempre muito bom de se ler. Certamente que o livro deve ser uma joia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Boa dica! Imagino que seja uma deliciosa leitura! Bjs amigo!

    ResponderExcluir
  12. Sua indicação é sempre prenúncio de algo bom. Vou conhecer o blog da amiga, mas já deixo aqui meu desejo de sucesso.
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Seu carinho emociona e contagia, grande abraço Lisette.

    ResponderExcluir

  14. Oi Toninho,

    Há muita generosidade e amizade neste seu gesto de fazer esta bela apresentação do trabalho da Celina.
    Desejo muito sucesso a ela.

    A você, minha amizade e carinho.

    Abração.

    ResponderExcluir
  15. A Celina tem lindas histórias para contar. Fico feliz que ela tenha reunido em um livro.
    Será um sucesso com certeza!
    Beijos aos dois queridos!

    ResponderExcluir
  16. Oiii,obrigada pela informacao.Geht es dir gut?:))bjuu.Lu.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.