Páginas

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Fantasma do passado.



Foto do blog mundodefrida:               http://mundodefrida.blogspot.com.br/


No Castelão Brasil ganhou o jogo.
O povo ligado pela tela da Globo.
No estádio o jogo nos limites o fogo.

Aquelas lembranças vêm de novo
Que a Copa de 70 foi um engodo
Que nos enganaram como bobos,
Torturas mortes em nome do povo.

Eu menino com cata-vento desfilava
Pois cria que gigante ia para frente
Mas não sabia dos choros das mães
Com seus filhos jogados num porão,
E já no Planalto reinava a corrupção.

A capa que usavam escondia o lobo.
Mas lá no Planalto reinava o roubo,
Para aqueles bravos perderem o jogo.
Agora o povo marcha firme de novo.
Os anos de silencio me trás o medo,
Que a força bruta governe de novo.

Toninho.
20/06/2013
**********************************************
1- As ondas de vandalismo no seio das manifestações me 
fazem ter lembranças e medos, da tal preocupação
com a "ordem". Embora alguns entendem, que este medo
não mais existe. Mas tenho minhas duvidas.
2- Tinha compartilhado algo parecido no Facebook
e o incrementei para postar aqui.
**********************************************
Um bom fim de semana a todos.



32 comentários:

  1. As lembranças que não calam. Que os vândalos sejam excluídos pelos boas intenções da grande maioria e que as aflições sejam acalmadas.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Perfeito Toninho.Mas o medo não me vence.Embora exista a preocupação.Vc sempre fera e atento. Meu beijo,hj foi muito bonito aqui em Natal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não mesmo Yasmine, o medo só para nos acordar e não nos deixar esquecer o monstro.

      Excluir
  3. Recordações por vezes fazem chorar,
    aquelas traumáticas que de alguma forma
    nos abala ainda, quando o sofrimento
    já foi visto antes...

    Recordar a copa de 70, nossa fui rebolada
    lá atrás quando nesse tempo eu não sabia de nada,
    ainda cogitando ideias do desconhecido e com uma ânsia doida de ir além.
    E pra que não meu amigo?
    Tudo se desfigura de tal jeito que a esperança
    morre a efeito...

    Ao movimento de agora, o que dizer
    das certezas que se tem e já tão desacreditada,
    que tudo isto de certa forma vai dar em nada, o que
    lamento. Até saí do facebook porque as palavras se repetem e tudo cansa.

    Obrigado pelo carinho

    Bjs

    Livinha

    ResponderExcluir
  4. Essas lembranças e medos existem. Tomara o grito e manifestação de tantos pacíficos não precise ver a minoria infiltrada e mal intencionada apenas destruindo e estragando um manifesto tão válido!

    abração, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  5. Quando leio que a polícia mandou ver em cima dos vândalos, eu acho mais do que justo. Não acho que a polícia esteja tão despreparada assim. Afinal, o que eles vão fazer? Cruzar os braços e levar pedrada?

    ResponderExcluir
  6. Estava na hora desse gigante se levantar e com seu grito acalmar o coração do país que estava a chorar, seu cantinho está me inspirando viu, já seguindo e aprendendo.
    Abraços e favoritei =)

    ResponderExcluir
  7. Pelo amor de Deus,nem me fale em voltar a ditadura!...rss...poesia bem atual e que nos faz recordar alguns horrores da Copa de 70!Gonzaguinha sempre atual.bjs,

    ResponderExcluir
  8. Olá Toninho,

    O Brasil precisa desse grito, o povo esta começando acordar. Espero que tudo isso não seja em vão e as coisas melhore. Aqui no ES a população estão nas ruas.
    Poesia maravilhosa, você excelente sempre nos versos.

    Beijos e ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  9. Nao creio em uma nova ditadura, mas... nao sei o que pode acontecer caso o vandalismo continue, esta dificil ter que correr da policia e dos vandalos... mas precisamos ter foco e continuar a luta... talvez nem veremos o resultado, mas se ajudar os que virao ja tera valido a pena... e se vc reparar a midia esta dando mais ibope para os atos de depredaçao do que de reivindicaçao dos manifestantes... tem algo errado nesses atos de vandalismo... como diria minha avo - "Ha algo de podre no Reino da Dinamarca"...
    Beijos Toninho...

    ResponderExcluir
  10. Oi poeta, eu também tenho medo, pois entre os manifestantes estão baderneiros, oportunistas, gente que não se preocupa com o bem do próximo.

    ResponderExcluir
  11. Olá amigo, acredito nas mudanças a longo prazo e lamento pelas atitudes isoladas porém expressivas de vandalismo! Abraçosss

    ResponderExcluir
  12. ╮✿ °•.¸

    Ainda estamos fazendo papel de bobos?!
    Lei "Cura Gay"??? Por que não fazer uma Lei "Cura Câncer" com direito aos devidos remédios?! Ainda somos bobos de votar nuns trates desses!!!
    Bom fim de semana!
    °º✿♫ Beijinhos.
    °º✿
    º° ✿♥ ♫° ·.

    ResponderExcluir
  13. Amigo Toninho, este também é meu medo, apesar da minha empolgação perante o movimento das ruas, exceto, as lastimáveis vilanias promovidas pelos vândalos.

    A poesia trouxe a luz sobre os fatos.
    Um abraço,
    Calu

    ResponderExcluir
  14. Boa noite meu amigo querido !!!!!!!!!!!!!!!

    "Eu vou ficar nesta cidade...não vou voltar pro sertão...pois vejo vir vindo no vento...cheiro de nova estação. Já faz tempo eu vi você na rua cabelo ao vento gente jovem reunida...Ainda somos os mesmos e vivemos como os nossos pais..."
    (Elis Regina)
    bjs de boa noite !!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  15. Oi Toninho

    Nem me fale deste medo. Que a força bruta intervenha outra vez, pois nunca mais seria o mesmo. Nos tempos de juventude era também como você disse. Nem sabia que os filhos estavam nos porões e que a corrupção já andava solta.
    Era feliz assim, alheia a realidade esperava os domingos para assistir na TV o programa Jovem Guarda.

    Um lindo final de semana
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  16. Olá, muito obrigado pela visita!
    Bom final de semana pra ti!
    Bjs do Neno

    ResponderExcluir
  17. Olá Toninho, compartilho com você do medo, mas precisamos ter esperança de que toda essa manifestação traga um novo alento para os corações Brasileiros e que o bem vença os maus intencionados...Vamos acreditar!
    Beijos com carinho e tenha um final de semana de muita Paz...
    Marilene

    ResponderExcluir
  18. Meu amigo, reivindicar e lutar por uma causa é direito. Mas a forma para se fazer isso também há que estar dentro dos limites do direito. A polícia tenta pacificar os morros e imagino-a tendo que fazer isso com multidões. É uma barbárie presenciar vandalismo e ver o resultados nas manchetes do mundo. Sou da paz e não creio que alguém consiga viver com tranquilidade em meio a esse tumulto, onde nossas vidas e nossa liberdade ficam cerceadas. Não vou fazer um tratado sobre o assunto (rss), mas atrás da bela pintura há outros tons camuflados. Bjs.

    ResponderExcluir
  19. Oi, querido Toninho!

    O Brasil está nas ruas, porque querem um país quase novo, pelo menos nos aspetos mais significativos e importantes, socialmente.

    Não tenha receio, porque a História nunca se repete.

    Adorei os seus versos, porque fiquei sabendo o que foi o seu país há 30/40 anos, atrás.

    Deus queira que o que a Presidente falou se concretize.

    Bom fim semana.

    Beijos afetuosos da Luz.

    ResponderExcluir
  20. Toninho querido!
    Todos nós que vivemos aquele tempo em que cantávamos juntos "Pra frente Brasil, salve a Seleção!" sentimos medo e agora ele reacende uma fagulha, mas creio que os tempos são outros e os jovens também, eles são mais esclarecidos que nós e a informação mais rápida do que naqueles dias.
    Juntemos forças aos jovens e tenhamos Esperança!
    um beijo petropolitano


    ResponderExcluir
  21. Toni,

    Esse medo acho muitos interiorizam, mas não creio que isso volte a acontecer, não nos dias em que vivemos. Mas a repressão de alguma forma sempre existirá. Gr. Bj. e uma semana maravilhosa pra ti!

    ResponderExcluir
  22. Como vai meu amigo? Toninho eu acho que o medo tem fundamento sim, a gente nunca sabe, quem somos nós para sabermos se realmente seremos respeitados, se a ditadura não usará a máscara da democracia, se não haverá novamente perseguições injustas e se os vândalos que nada têm a ver com os manifestantes não servirão de uma boa desculpa para estas perseguições, gostei muito do texto, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  23. Toninho, obrigada pela sua sempre atenção. Um passo a cada dia, mas estamos evoluindo. Meu pai se recupera a cada dia e ele nos mostra muita vontade de melhorar. Isso já é meio caminho andado.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  24. Olá Toninho!
    Espero que o povo não desista e proteste de forma ordeira. Os governantes acham que são donos do país e esquecem facilmente as promessas que fizeram ao povo que os elegeu. Aqui em Portugal estamos pelas ruas da amargura, a maioria da gente cada vez mais pobre e o país sem recursos...mas os políticos vivem num fausto gastando sem conta nem medida. A nossa gente parece anestesiada!!!
    Tudo de bom. Abraços.

    ResponderExcluir
  25. Boa noite, querido.Como dizem, o futuro a Deus pertence e eu também tenho ainda muitas dúvidas, mas uma certeza eu tenho... daqui em diante o governo temerá o povo que o elegeu.Aquela cena das centenas de manifestantes tentando entrar no Congresso Nacional, vai ficar na mente de muitos políticos brasileiros.

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  26. Quem viveu o passado fica na expectativa de que os tempos sejam diferentes.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  27. Meu querido poeta,
    é verdade, como é bom rever os amigos, ouvir sua voz, falar com eles, mesmo pela net!
    Não sei bem explicar o porquê desse sumiço, talvez cansaço, talvez sem inspirações, fui fazer outras coisas, mas o importante é que deixei amigos e aqui estou de volta.
    bjs

    ResponderExcluir
  28. Olá Toninho,

    Obrigada pela visita e pelos votos de Feliz Aniversário.

    Gostei do texto...

    Abçs

    ResponderExcluir
  29. O que realmente falta neste país é educação....
    Abraço Lisette.

    ResponderExcluir
  30. Bem aventurado aquele que já consegue receber com a
    mesma naturalidade o ganho e a perda, o acerto e o erro,
    o triunfo e a queda.
    De todas as minhas conquistas a maior delas são os meus amigos,
    e amigas.
    De sorriso puro no rosto de uma criança.
    Acredite na fé, mais força, na esperança e na razão.
    Descubra-se , ame-se, perdoe-se!
    Viva intensamente
    a cada Dia da sua vida.
    Que seu Dia seja de infinita paz ,
    viaje comigo tenho certeza ,
    que se sentira muito feliz.
    Beijos paz e muito amor pra você.
    Evanir.
    Amigo hoje estarei ligada em BH.
    Estou sentindo meu amigo ausente esta tudo bem?

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.