Páginas

sábado, 5 de outubro de 2013

Chuva de verão.













 Aconteceu num verão. Foi numa praia esquecida do continente, onde o mar se vestia de azul tocando o céu na mesma tonalidade, os coqueiros balançavam suas folhas na dança do vento, quando aquela figura veio deslizando sobre a areia, cheia de graça e encantos, que por instante o vento, as aguas pararam para reverencia-la. Não me sai do pensamento aquela mulher vinda do reino de Tupã, com suas tranças negras caídas sobre os ombros deixando à mostra a beleza de seus seios. Para um pescador seria a Sereia protetora em noites traiçoeira do mar.

Em volta nada além das aguas, os coqueiros e um farol como testemunha. Eu ali estático admirado sem encontrar palavras, que descrevessem a beleza daquele lugar paradisíaco, quando ela se aproximou e tocou minhas mãos. O meu corpo gelou por instante na contra mão da emoção. Então ela pousou dois dedos sobre meus lábios e assim nos deixamos levar num longo beijo. Juntos naquele lugar de magia, os deuses em festa, uma chuva fina de verão caiu sobre nossos corpos, como um ritual de batismo para consolidar uma união ao mar.

Quando a emoção estava no frenesi de uma dança sob a chuva, uma onda de agua fria tocou meus pés e me tirou do sonho lindo e profundo deitado nas areias brancas daquele lugar, que hoje ao ver a imagem daquele casal pela praia, um filme invadiu meus olhos e pensamentos, para reviver uma linda historia de amor, que com o tempo acabou. Mas que deixou a certeza, que o mais importante é à emoção que sobrevive.

Toninho.
04/10/2013
**************************************************************** 
Um desafio do blog pensando em familia, contar um historia inspirado na imagem acima.
Participem: 

15 comentários:

  1. Que emoção mais deliciosa Toninho! Lindo post!
    Obrigada pela visita e volta sempre!!!
    Abraços...

    ResponderExcluir
  2. Lindo seu conto. Obrigada por aceitar o desafio e me dar este presente.
    bjs Bom domingo

    ResponderExcluir
  3. Muito linda tua inspiração! Adorei e é essa emoção que nunca pode nos faltar. Precisamos sentir arrepios na barriga, na pele... abração, lindo domingo! chica

    ResponderExcluir
  4. Meu querido amigo,
    A sua sensibilidade poética está inteirinha neste conto que por momentos me parecia corresponder à reliadade, tal o realismo que tão bem soube põr aqui
    Muitos parabéns pois adorei, mesmo!
    Queria dizer q me lembra muito pela sua sensibilidade e bondade. Não estou errada, pois não?
    Grande abraço Toninho

    ResponderExcluir
  5. Ei Toninho
    Tudo muito lindo, a começar pela música, a imagem e o seu texto, sensacional.
    Parabéns, Toninho pelo grande talento.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Ah, Toninho! Um sonho para sempre! Que bom viver um momento Assim.
    Não sumirei daqui, amigo, virei sempre lhe oferecer o meu abraço Corinthiano! rsrs

    ResponderExcluir
  7. Toninho, hoje estava sozinha na praia e contemplando as ondas e o vento. Ouvia musica, filmei um pouco, coloquei no Instagram e FB. E encontrei seu recado que sentia saudades. Fiquei com um sorriso no rosto. Amigo, obrigada. Veio como a brisa que o mar me lançava delicadamente.

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. TRAZENDO MEU DESEJO DE UM LINDO DIA DE DOMINGO.ENCONTRO SEU DESEJO TBM PARA UNIRMOS NOSSOS DESEJOS..O POEMA É FENOMENAL E ATRAENTE.NOS FAZ VIAJAR EM DELÍRIOS.
    APROVEITO MINHA VISITA E TE DEIXO UM CONVITE ESPECIAL:
    O BLOG MILAGRE DO POETA DANIEL ESTÁ COM UM LINDO POEMA NOMINAL DEDICADO A NOSSA AMIGA BLOGUEIRA CHICA .CONVIDO PARA UMA FORÇA E APOIO COMENTANDO.
    http://danielmilagre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Estou passando para deixar meu carinho
    ler seu postagem que tão bem faz para o meu coração.
    Eu amo acarinhar você mesmo sendo trazendo uma colinha
    mais certamente acredita que do seu blog
    carrego cada mensagem comigo.
    Fico feliz de ser privilegiada
    com sua dedicada amizade.
    Deus abençoe sua semana beijos milhões
    de carinhos na alma.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  10. Um encontro que se prolongou no tempo.... Acho que não existe nada melhor no mundo...

    Um conto delicioso, Toninho.

    Beijinho e bons sonhos.

    ResponderExcluir
  11. °º °º✿✿
    º✿
    Amei!!! Delicioso ler!!!!
    Bom início de semana semana!
    Beijinhos.

    ♫ ¸.•°♫♫♫

    ResponderExcluir
  12. Toninho, muito lindo, estavas inspirado como sempre , quem não guarda um recordação tão linda , todos nos e ainda mais com um cenário destes o mar e a chuva para completar.Um abraço e uma semana de muita paz . Celina

    ResponderExcluir
  13. Toninho este comentário deve ter sido a resposta do e mail que eu te enviei, uma semana de muita paz para vc Celina

    ResponderExcluir
  14. Mineirinho, que linda inspiração! Seu conto tem magia, como os sonhos que terminam quando despertamos. Perfeito. Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Olá Toninho,

    Que inspiração mais linda! Amei o romantismo. As emoções vividas não se perdem jamais.
    Você brilhou neste desafio.
    A imagem é um encanto.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.