Páginas

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Trovas ao vento






Vento que tudo leva,
Devolva já este amor,
Embrulha esta treva,
Refrigera toda dor.

Vento forte sobre o mar.
Folhas secas no outono,
Soltas bailam pelo ar,
Imagens do abandono.

Vento forte é saudade,
Quando tudo arrasta,
Até a felicidade,
Parece que afasta.

Mas também este vento,
No moinho giram pás,
Que finda o tormento,
Vem agua como maná.

Agua boa com o vento,
Que a árvore renova,
Sob ela meus lamentos,
Escrevo estas trovas.


Toninho.
22/10/2013.
**************************************************
 


23 comentários:

  1. E o vento sopra, orgulhoso de ser musa...

    ResponderExcluir
  2. Lindo vento que te inspirou tão bem! Lindas trovas! abração,ótimo dia!chica

    ResponderExcluir
  3. Adoro o vento... o vento sempre me acalma, principalmente quando ouço o seu barulho...

    Achei linda a imagem e a poesia quando pede ao vento para devolver o amor...

    Um otimo dia Toninho...
    Beijos...

    ResponderExcluir
  4. Querido Toninho
    Um belo poema ao vento!~
    Um vídeo da nossa Amália!
    Uma imagem maravilhosa!
    Em expressões eivadas de poesia, o vento surge ora visto pela negativa,ora pela positiva.
    Tenha um excelente dia,amigo.
    Há pouco,aquando da sua visita ao blog do Henrique- A minha travessa do Ferreira,esqueci-me de dizer que as imagens do meu texto tinham sido colocadas por mim. O Henrique só é responsável pelo sombreado colorido no início dos parágrafos.
    Espero que continue a gostar dos meus textos.Eu já enviei outro para a «Travessa».
    Beijinhos
    Beatriz

    ResponderExcluir
  5. Oi Toninho bom dia, agradeço o comentário, achei lindo e agradeço , em Novembro publicarei as fotos,quero te avisar que enviei um e mail para vc é curtinho gostaria que vc o lesse, a poesia é muito bonita. Um abraço para vc, Celina.

    ResponderExcluir
  6. Olá, amigo Toninho
    Me fez lembrar dos moinhos de S.Pedro da Aldeia... são interessantes e nos levam mesmo a trovar assim tão bem como vc fez...
    Que os bons ventos lhe levem paz, saúde e amor!!!
    Bjs fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir
  7. Mineirinho
    O vento que leva o que gostaríamos de reter é o mesmo que traz benefícios, que nos oferece a beleza de ver os galhos das árvores dançando, e aquele que lindamente o inspirou. Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Olá amigo, belo poema, para o vento que tudo leva, peço que leve algumas saudades que não posso mais sanar rs Abraçosss

    ResponderExcluir
  9. L I N D O !!!
    ¸.•°✿✿°•.¸

    ░Ӈ░ƛ░Ƥ░Ƥ░Ƴ░
    ░Ӈ░ƛ░L░L░O░W░E░E░N░

    ¸.•°✿✿°•.¸

    ResponderExcluir
  10. Caro amigo,

    Lindas as trovas.
    Que bons ventos lhe tragam sempre belas inspirações.

    Abração.

    ResponderExcluir
  11. Que linda quadras Toninho. E que ventos divinais te abracem, trazendo amor e paz a este coração lindo, que pra ele deixo um beijo.

    ResponderExcluir
  12. Ei Toninho
    A imagem do moinho é um encanto, assim como seus versos.
    Um abraço e boa noite.

    ResponderExcluir
  13. Do que vi, encantou-me o olhar e perfumou o coração! Lindos, delicados e sentidos versos, imagens que sensibilizam a alma e vídeos que nos levam a apreciar a boa música, numa mistura deliciosa de sons que só podem mesmo nos purificar a alma. Tudo isto graças a tua forma tão bonita e especial de enxergar a vida, com os olhos do amor e da gratidão. Tudo de bom, amigo, e que o vento sempre te traga muitas alegrias e inúmeros motivos para ser bastante feliz.
    Ficam sorrisos brincando entre estrelas, numa forma de agradecer os bons momentos que aqui passei.
    Com carinho,
    Helena

    ResponderExcluir
  14. Nos elementos da natureza sempre encontraremos motivos para nos renovar e seguir em frente (eterna fonte de inspiração). Muito bom te encontrar aqui. Um abraço, meu amigo!

    ResponderExcluir
  15. A natureza nos envia inspirações e nos espelha como renovar mesmo na saudade.
    bjs Bom final de semana

    ResponderExcluir
  16. ❥°º•.¸

    Ótimo mês de novembro!
    Bom fim de semana!
    Beijinhos do Brasil ❥°º•.¸

    ResponderExcluir
  17. Saiu-se muito bem, trovador. Gostei da imagem, mas ainda mais dos versos, das trovinhas. Canção do mar é belíssima, e na voz dessa cantora,é um show.

    Grande abraço
    Socorro Melo

    ResponderExcluir
  18. Toninho, bom dia , que seja de paz e toda a semana também .Maravilhoso o teu comentário, como sempre !!! Um abraço bem grande, Celina

    ResponderExcluir
  19. Olá Mineirinho,
    Ah! Esse vento forte é implacável para levar coisas tão belas e significantes em nossas vidas. Que a brisa aconteça para que o amor não vá embora tão rápido.
    Bons fluidos.

    ResponderExcluir
  20. Caro Toninho

    Flores de verão logo hão de devolver esse amor com a água que corre no regato com a brisa do vento.
    Uma linda trova.

    Um carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
  21. A Canção do Mar foi a escolha perfeita para estes versos de amor, vento e saudade (embora eu prefira algumas versões mais recentes).
    Envio-lhe um link de um grupo muito recente, com uma voz belíssima e que tem tudo haver com este mar, este amor. Aliás o projecto musical chamou-se "Amália Hoje", uma reinvenção das melodias da nossa grande diva. Espero que goste (http://youtu.be/zxvMJXRjqvs).

    Um abraço desde Portugal
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
  22. Toninho vim hoje agradecer o seu lindo comentário, que me deixa muito feliz, desejo muita paz , na comemoração do seu time vitorioso, parabéns mais uma vez, estou contente também foi merecida a vitória !! Um abraço e um final de semana bem legal, Celina.,

    ResponderExcluir
  23. Teu poema é brisa suave e doce nessas minhas viagens por aqui... Bjo Toni e um bom domingo pra ti!

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.