Páginas

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Quando cai a noite.


Oscilam os olhos sobre a noite,
Roga ao Pai as suas bênçãos,
Livrar-se da insônia de açoite,
Que atormenta nesta solidão.

Acumulam-se estrelas na janela,
Como companheiras iluminadas,
São brilhos dentro dos olhos dela,
No silencio desta madrugada.

Quando surge a Lua seresteira,
Naquele lindo vestido em prata,
Seus olhos viram uma cachoeira,
Torrente de lágrimas em cascata.

Um rosário sobre o criado mudo,
Que sempre desliza entre dedos,
Sua única força seu único escudo,
Para afugentar todos seus medos.

Naquela janela vejo esta imagem,
De uma mulher com a alma nua,
A esperança que virou miragem,
Arraigada que jamais se recua.

Toninho.
21/11/2013
Inspirado numa mãe que espera pela filha que desapareceu num sábado de carnaval nos anos 70 e nunca mais se teve noticias. Mas ela espera.
********************************************************
A todos vocês um lindo fim de semana com as alegrias fazendo festas em cada coração.


26 comentários:

  1. Triste espera iluminada pela lua que reacende a dor da perda.
    Linda canção em forma de lamenti.
    Bom final de semana,
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá amigo, que tristeza uma mãe passar a vida inteira nesta espera, arrepio só de pensar em uma aniquilação desta, acho que o desaparecimento de uma pessoa embora deixe um fio de esperança é um sofrimento maior do que a própria morte, pois sobre esta temos a certeza e vivemos com a dor, sobre a outra vivemos com a duvida e com mil perguntas na cabeça sobre o que houve, muito triste! Abraçossss

    ResponderExcluir
  3. Triste espera, meu amigo...mas isso sucede na vida.
    Desejo que esteja bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  4. Boa noite,Toninho
    Como vai?
    »Quem espera,desespera».Esperar por uma filha,sem saber se ela vai voltar ou não,deve ser um tremendo sofrimento para quem é mãe. O seu belo poema expressa de forma bem poética essa situação.
    Parabéns.
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderExcluir
  5. NOSSA TONINHO, TÃO COMOVENTE E TRISTE... UMA DOR ATROZ DE UMA MÃE, SÓ QUEM PASSA SABE. UM BJ E FELIZ FINAL DE SEMANA.

    ResponderExcluir
  6. Que inspiração linda e tão triste,Toninho! Imagino essa mãe o quanto sofre nessa espera! abração,chica e lindo fds!

    ResponderExcluir
  7. Tao triste que chorei ...

    Um otimo final de semana de paz Toninho...
    Beijos...

    ResponderExcluir
  8. Testando!! Consegui comentar uma vez.
    Beleza amigo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Ainda bem né?

    Uma poesia cheia de tristeza e beleza. Só quem já passou por uma perda pode saber como á dor pode matar as pessoas em vida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Boa noite Toninho
    Não me canso de elogiar seu bom gosto musical.
    E seu poema, lindo e triste ao mesmo tempo, pobre desta mãe.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Sou do blog FOLHAS DE OUTONO .
    Bom dia meu querido !
    Muito amado vc vai continuar sendo,mesmo eu afastada deste universo virtual,sempre que der passarei por aqui para ler e reler teus escritos do qual sou uma admiradora,para meu crescimento literário...

    P.s.Aproveito para deixar uma nota.A identidade da minha conexão,tem uma CRIPTOGRAFIA DE 128 BITS.No entanto ,esta página da qual estou a comentar,incluí outros recursos que não são seguros.Esses recursos podem ser visualizados por outros enquanto navegam e podem ser modificados por um invasor para alterar à aparência da página.
    A conexão usa a TLS 1.2
    A conexão foi criptografada e autenticada utilizando;
    AES_128_GCM e usa ECDHE_RSA como o mecanismo de troca de chave.
    Por isso deixo dito que a identidade deste site do qual uso foi confirmada por ;
    VERISIGN CLASS 3 SECURE SERVER CA-G3.
    Desculpem o transtorno em ter que deixar essa nota em cada comentário que faço nos blogs dos amigos.Motivo por comentar em anônimo,mais sou do BLOG FOLHAS DE OUTONO.
    Só poderei voltar a navegar quando o problema for solucionado.Que deve levar um tempo.Problema esse que está em outras redes do qual deixo como exemplo:blogs-facebook-e-mails e outros mais...

    ResponderExcluir
  12. Oi Toninho bom dia. Deve ser uma dor muito grande se perder alguém assim ,quando é por morte vem o luto, todos choram , sente sim, muitas dores, mais o tempo vai passando fica sempre a lembrança mais a dor vai ficando para trais, diferente do desparecer a cabeça desa mãe deve viver em constante angustia, esperando sempre o pior é não ter sossego só Deus. . A tua poesia mesmo com um assunto tão triste ficou muito bem! Abraços e um final de semana de muita paz, Celina

    ResponderExcluir
  13. ¸.•°♪♬♫º°
    Tão triste, mas muitas mães ainda esperam como essa!...
    Você tem muita sensibilidade e delicadeza para expressar sentimentos tocantes que escorrem dos seus versos e nos toca na alma.

    ❥ Bom fim de semana!
    Beijinhos.♩♫♬°º•.¸
    .°º✿

    ResponderExcluir
  14. Oi, Toninho!
    Uma homenagem banhada em sensibilidade... o fosco verniz noturno é cruel com os sofredores.
    Enquanto lia, ansiei por um fiapozinho de arrebol!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Meu amigo

    Por mais que imaginemos o sofrimento dessa espera, as orações feitas, a angústia... mão chegaremos perto da real intensidade dos sentimentos que assolam alguém.
    Sabemos, no entanto, que a esperança não morre.
    Um belo poema. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Oi Toninho!
    Uma homenagem muito bela,
    Uma espera que mexe com toda estrutura da pessoa, e da família .
    Bjs e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  17. Emocionante e dramática história de uma mãe que viu desaparecer o filho amado. E há tantos casos por aqui!
    Belo poema o seu, meu amigo.
    Um abraço e bom fim de semana.
    M. Emília

    ResponderExcluir
  18. Oi, Toninho!!
    Pude visualizar com seu poema toda a angústia dessa mãe!
    Uma mãe sempre espera!!
    Bom domingo!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  19. Poesia mais que comovente e ficou um encanto.Ainda mais com essa lua girando do Milton!Bjs e boa semana,

    ResponderExcluir
  20. Não conseguimos imaginar a dor que deve ser a perda de um filho nessa situação.
    Doi o coração.
    E seu poema diz bem _ é uma esperança que virou miragem...
    boa semana amigo Toninho
    abraços

    ResponderExcluir
  21. Que bom poder voltar as visitas de vcs, hj
    meu dia foi melhor,
    Vim deixar um abraço de agradecimento por todo
    carinho que vc tem comigo, muito obrigado pelas
    palavras que são deixadas na minha pagina
    Que Deus abençoe ricamente sua vida, e amigos eu guardo no coração
    Abraços de sempre.....Bjussssss

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  22. Toninho, que triste a espera e angústia desta mãe, coitada!
    Mas sua poesia é linda como sempre e tocante.
    O início dela me fez lembrar que hoje terei insônia, tá na hora de ir pra cama, mas tô sem um pingo de sono. Culpa do cafezinho que tomei tarde hoje, não posso tomar café depois das 15 horas. rsss
    um abraço carioca e ótima semaninha.


    ResponderExcluir
  23. Tomimho um bom dia, que seja de muita paz. vim agradecer o teu lindo comentário, que me deixa muito feliz, desejo a a vc e a toda família uma semana de muita paz e felicidades um abraço fraterno. Celina

    ResponderExcluir
  24. Olá Toninho, boa noite! Meu amigo estava com saudades daqui e de ler as tuas escritas, a falta de tempo tem me afastado um bocadinho, mas assim que ele me sobra um pouquinho, corro para visitar os amigos...Muito triste a espera angustiante de uma mãe, com a incerteza e da volta de um filho, mas o seu poema ficou Maravilhoso. Parabéns!
    Beijos com carinho e desejo uma linda e abençoada semana pra você.
    Marilene

    ResponderExcluir
  25. Emocionante, Toninho.
    Fico imaginando a dor e a angústia deste coração materno. Há momentos que penso que uma notícia sobre a morte de desaparecidos de longa data seria menos sofrida do que a espera cotidiana por notícias e a incerteza de um reencontro.
    Parabéns pela linda e sensível inspiração.

    Carinhoso abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.