Páginas

domingo, 25 de janeiro de 2015

E pulsa.


Enquanto ainda sentir pulsar a saudade,
cresce em meu querer esta efervescência.
Viverá em mim um amor insubstituível,
repleto da pureza e leveza como herança,
de todo sentimento que se pensou eterno.

Morre em mim todo sentimento de magoa,
pois em mim o amor se fez em inatingível,
corpo e alma em equilíbrio perfeito na paz,
que impermeabiliza contra toda maldade.

E pulsa a vontade sempre avassaladora,
aliada a falta em forma de um abandono,
de quem na vida perdeu um ente querido,
mergulha-se em orações para alivio da dor.

Mas se pulsa em mim teimosas lembranças,
alimentar-me-ei da falsa sensação de amor,
pois o meu coração não cabe desesperança,
e luta de unhas e dentes. Desconhece a dor.

E quando não mais pulsar minha emoção,
meus olhos já cobertos pela nuvem turva,
restará apenas uma inspiração molhada,
pelas lágrimas que mancharam os versos.

Toninho.
*************************************************************
Uma boa semana para todos vocês.

26 comentários:

  1. Toninho, em ti pulsa emoção, saudade, recordações e amor e há de pulsar muito tempo!!!

    Que linda e tocante tua inspiração! abração praiano, chica

    ResponderExcluir
  2. Poema tocante e emocionante! Repleto de versos de amor, maturidade e VIDA!!

    Abraços e ótima semana, Toninho...

    ResponderExcluir
  3. Lindo demais!
    Se sentimos saudades, é porque o amor não morreu; se não morreu, é porque o seu objeto ainda existe. Há vida.

    ResponderExcluir
  4. Linda poesia Toninho. Em mim tbm pulsa os desejos do mundo: mais amor, emprego, pão sobre as mesas, realizações e sonhos. Amo te ler. No Poesia tem novidades, depois veja lá, bjs e semana de paz, nós aqui estamos arrumando as malas de volta ao RN já com saudades

    ResponderExcluir
  5. Oi Toninho, que belos versos repletos de saudades e vida. O que seria de nós se não pudéssemos recordar para aquietar nossos corações? Lindo amigo.
    Abração e uma bela tarde!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  6. Estimado amigo Toninho
    Que versos encantadores. Um coração que pulsa pelo amor desconhece os sentimentos inferiores e a saudade que ora molham os versos é a limpeza balsâmica para que aflore apenas sentimentos sublimes. Lindo meu amigo
    Uma abençoada semana
    Beijos no coração

    ResponderExcluir
  7. Muito embora manchados, sobrevivem os versos!
    :)

    ResponderExcluir
  8. OI Toninho uma linda poesia nos ensinando a amar, retirando sentimentos negativos. Gostei muito.
    Obrigada pela visitinha e comentários generosos.
    Boa semana!
    bjks

    ResponderExcluir
  9. Quando há amor não há espaço para os sentimentos menores. Linda inspiração de amor em vida.bjs

    ResponderExcluir
  10. Caro amigo, esta música me faz lembrar de uma pessoa que foi importante pra mim e apesar do tempo continua guardadinha no meu coração.
    Você com seu poema lindo despertou-me algumas sensações meio adormecidas em mim.
    Ai, ai...
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. A bela música e a suave e doce poesia no pulsar dos corações, trazendo harmonia que encanta sempre!
    Saio daqui serena, deixando meu carinhoso beijo e o desejo de boa semana, Toninho...amigo meu!

    ResponderExcluir
  12. Parabéns amigo Toninho!
    A beleza dos seus poemas são calmantes que nos acalmam o coração. Obrigado por me deixar fazer parte das pessoas que como eu sentem muito prazer em passar neste cantinho encantado.
    Deixo meu abraço carinhoso amigo!
    Desejo-lhe uma feliz semana, na paz de Cristo.
    Josélia

    ResponderExcluir
  13. Uma feliz feras amigo,
    que seja das mais felizes.
    Abraços.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  14. Bom dia Toninho.
    Que poesia tocante, emocionante, mostrando a grandeza de um verdadeiro amor, que não deixa lugar para sentimentos inferiores, como magoa , rancores etc. Que ama sente saudade, relembra com emoção momentos vividos. Costumo pensar que amar verdadeiramente é infelismente para poucos,mas você meu amigo é um deles , pelo sua emocionante poesia. Quem sente um amor assim, deve manter a esperança de um reencontro, afinal a vida da voltas. Um feliz dia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. "Enquanto sentir pulsar a saudade
    E não existir sentimento de mágoa"

    O seu amor será sempre insubstituível
    e repleto de pureza
    E lhe traz a Paz
    Tão necessária a seus dias

    Estou com Toninho no palco
    onde se encontra seu amor
    E suas emoções
    de aceitação!

    Aí, eu o tenho de louvar
    pela beleza
    do que escreveu!

    Maria luísa

    ResponderExcluir
  16. Uma linda poesia plena de emoção e puro amor.
    Um grande abraço, amigo Toninho.
    Élys.

    ResponderExcluir
  17. Olá, amigo Toninho
    Foi um dos mais lindos poemas que li seu ou o achei mais lindo...
    Apesar de eu ter conhecido a dor, não dou oportunidade, de sã consciência, da desesperança me dominar...
    Mergulho nas orações para aliviar a dor... verdade pura!!! ELE me alivia...
    Muito dos meus versos são manchados pelas lágrimas...
    Foi um deleite ter lido algo que tive empatia...
    Muita paz para vc e os seus amados!!!
    Bjs festivos de 2015

    ResponderExcluir
  18. Oi Toninho!

    Linda poesia, amigo!
    A mágoa deve sempre ser transformada em amor.
    Porque o amor nunca falha.
    Linda poesia!
    Lindos dias!

    Abraços saudosistas

    ResponderExcluir
  19. Oi, Toninho!
    Quem nunca teve um amor para sentir saudades, não viveu!
    Poesia que faz tecer um emaranhado de sentimentos.
    Beijus,

    ResponderExcluir
  20. Oi Toninho espero que esteja bem, aqui todos bons.Achei a sua poesia linda, ,cada dia vc se superando , desejo paz e saúde para vc, vai um abraço de muita paz.

    ResponderExcluir
  21. Oi Toninho! A vida tem que estar sempre pulsante em nós! Um abração Tetê

    ResponderExcluir
  22. Alimentar-se de falsas sensações de amor...só mesmo mergulhando-se em orações para alivio da dor.
    Bonito isso...
    Como é o Rafael que está no cérebroquepulsa. blogspot aproveito para passear e prestigiar-te.
    Bela recomendação do livro.
    Obrigada.
    Abraços
    Janicce.

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Sentir saudades diante das lembranças que a vida nos apresenta entre uma esquina e outra, é estar vivo.
    Abraços,
    Anabela

    ResponderExcluir

  24. E em mim pulsa um enorme carinho por você. Apesar de estar afastada do blog vim agradecer sua presença delicada em meu espaço bem como o carinho do compartilhamento das postagens. Obrigada!
    A animação do vídeo é muito fofa.
    O poema é lindo demais. Belíssima inspiração.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  25. Oi Toninho!
    Estava com saudades!
    Poesia maravilhosa, e com a canção ficou mais bela ainda.
    Deixo um beijo meu amigo!
    ótima sexta-feira!

    ResponderExcluir
  26. Obrigado amigo pelo comentário lindo, apesar dos desencontros continuamos sempre amigos, um grande abraço da amiga e sempre.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.