Páginas

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Naquela manhã.
















 Um homem obcecado em observar a janela da amante.
Aos seus pés seu fiel cão indiferente olhava para o oposto,
Assim  pressentiu o que  dono jamais saberá.
Toninho.


 *****************************************



1) Foto inspiradora no blog mundodefrida, conheça pelo link.

*********************************************
2) Uma série de postagem interessante no blog pensandoemfamilia, onde voce poderá conhecer gente que faz arte, toda segunda e quarta- feira. Confiram.  


24 comentários:

  1. Cada qual sabe dos seus passos...
    Um abraço, sempre amigo.

    ResponderExcluir
  2. Sensacional a ideia de "contar uma história" a partir de uma imagem.Elas mexem com nossa imaginação e a sua ficou excelente.Adorei!

    Enquanto aqui sobra inspiração, lá em meu blog, falta e as últimas postagens foram apenas tentativas frustradas de retornar... Acho que nunca tive um bloqueio tão grande.Espero que passe!

    Obrigada pelo carinho sempre, querido.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. Incrível,Toninho!! Fico imaginando daqui o que o cachorro anteviu...

    Maravilha!Adorei! abração,chica

    ResponderExcluir
  4. Gostei!! E adorei conhecer os blogs amigos!!

    Beijinhos e muita luz!!♥

    ResponderExcluir
  5. Muito bom. Também como Chica imagino o que o fiel amigo cão anteviu. Interessante a imagem.

    ResponderExcluir
  6. Adorei a historia que se desenrolou por causa da foto... imaginei o que esse homem sentia... ali...parado...coraçao acelerado...talvez esperando ve-la de relance atras das cortinas... e seu cachorro sentindo a dor do dono... fica ao seu lado quieto...solidario...
    Beijos Toninho...

    ResponderExcluir
  7. Olá Toninho,
    Como vai?
    Eu até imagino o que o cachorro pressentiu. rs.
    Deixa quieto. Estou participando da ciranda. Já postei.
    Tudo de bom.

    ResponderExcluir
  8. Uma incrível leitura de imagem. Muito bom! Bjs

    ResponderExcluir
  9. Só perguntas que despertam a curiosidade, trarão respostas ao homem que só vê um ponto.Cão esperto
    sabe das coisas.

    Adorei, amigo, mais este instigante mini-conto.
    Abraços festivos, paz e bem.
    Calu

    ResponderExcluir
  10. É Toninho,boa pedida....Penso que o au au esperava sua cadelinha também..Interessante avaliar imagens,eu já componho para elas também.Parabéns.Bjus\Flor*

    ResponderExcluir
  11. Estou gostando muito dos mini conto. Sua leitura da imagem foi excelente e criativa.
    Obrigada por divulgar a Série, que está me trazendo muita alegria.

    bjs

    ResponderExcluir
  12. E´MEU AMIGO , OS ANIMAIS SENTEM O QUE VAI NO CORAÇÃO DO DONO, PRINCIPALMENTE SE ESTÁ SOFRENDO, OU INQUIETO COM ALGO,POR ISSO ELE O CÃO, ESTAVA TALVEZ QUERENDO SAIR. UM FINAL DE SEMANA BEM LEGAL PARA VC. ABRAÇOS CELINA

    ResponderExcluir
  13. Mineirinho, tudo depende do foco. Você deixou espaço para inúmeras interpretações, o que nos leva a brincar com a imaginação.
    Vou ser otimista. O cão olha para o lado oposto porque é de lá que vê chegando a amada de seu dono. Os cães se voltam para onde está o movimento. Bjs.

    ResponderExcluir
  14. Toninho querido,

    Os animais pressentem aquilo que nós, os humanos, não conseguimos...talvez uma ameaça ao dono, vindo da outra direção?É amigo, você nos incentivou a pensar e imaginar...
    Bjsssss,
    Leninha

    ResponderExcluir
  15. Há sempre olhos amigos à espreita ao redor para proteger-nos da nossa própria negligência. Enquanto nosso foco não se desvia, a Divina Providência nos aparta dos perigos do viver.
    Tenha um excelente dia, amigo Toninho!
    Um abraço fraterno.

    ResponderExcluir
  16. Oi Toninho!
    Estes mini contos são muito inteligentes e criativos. Você deu a esta imagem uma leitura bem instigante, fico imaginando o que será que pressentiu o cachorro.rsss
    Abraço!

    ResponderExcluir

  17. Olá Toninho,

    A imagem foi fonte inspiradora de um sugestivo mini conto. Tenho lá minha ideia a respeito do que o cão pressentiu... inúmeras são as possibilidades. Mexe com o imaginário, né?

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  18. Oi Toninho!

    Lindo e com o final surpreendente,
    deixou por conta da imaginação de quem o ler.
    Fiquei curiosa!

    Bjos, e obrigada tha?

    ResponderExcluir
  19. Nossa, Toninho, a foto é mesmo inspiradora e instigante, pois o que será que o cão não quer ver por lá?!
    E estou lá também na Norma vendo as arteiras, muito legal!
    beijinhos cariocas



    ResponderExcluir
  20. Boa noite meu amigo amado !!!!
    Menos amante,rsrsrsrsrsrs
    Como vai vc querido ?
    Foi no FOLHAS DE OUTONO e deixou um belíssimo comentário, ainda me deixou um selo que amei.
    SELO "ESPOLETINHA DE OURO"
    Do qual me deixou saltitante de felicidade...grata sempre por tudo que vem de você...
    O pequeno conto deixou expresso no pensamento...
    bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  21. As vezes as pessoas ficam alienados a si mesmo buscando compreender o que não se pode ter da outra pessoa..Perdendo a visão que está em si mesmo e esquecendo de que nem tudo se pode ter.

    Belissíma postagem meu amigo...parabéns querido.

    ResponderExcluir
  22. Cães, muitas vezes, são mais espertos do que seus donos... kkkk
    Beijo grande, amigo!

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.