Páginas

sábado, 20 de outubro de 2018

Coração em festa.

Hoje celebra o profissional, que pode ser reconhecido como um artista escritor, que usa de sua criatividade, imaginação e sensibilidade para escrever, em versos, as poesias que faz. 
E hoje tive a grata alegria de ler um poema lindo de nossa amiga Manuela um pouco ausente por situação de saúde que eu os convido nesta leitura aqui: Manuela

Minha homenagem à todos eles.


Poetizando e encantando um belíssimo projeto da professora Lourdes, que incentivo na participação, bem como conhecer e ler os participantes, confesso que fico emocionado com tantas belas inspirações. Ela sempre nos oferece uma série de imagens para uma escolha aqui: filosofandonavidaproflourdes a seguir a minha escolha de imagem e inspiração.
  


Há que se possa ter no amor inspiração,
constante avassaladora o vire a cabeça.
Ter mãos de artesão, poesias é a criação,
tecer versos fio a fio na paixão confessa.

Vive-se o amor inspirado pelas emoções,
cada ofertar de rosas cala-se pelo verso,
na inquietude do encontro dos corações,
suspiro alinhavado refaz meu universo.

Falar do amor, que no corpo incendeia,
pela metamorfose de sonhos libidinosos
iluminados pelo clarão duma lua cheia,
beijam-se envoltos os desejos prazerosos.

Assim se vive, pulsa o coração na festa,
num deliciar-se do puro mel da florada.  
Recria-se mil e uma noites com seresta,
só se despertam no canto da passarada.


Toninho
20/10/2018 


“O poema essa estranha máscara mais verdadeira
 do que a própria face. ” (Mario Quintana)

Parabéns à todos da poesia 
nesta edição