Páginas

segunda-feira, 21 de maio de 2012

O amor que se procura.







Imagem Google





O amor que se procura.

Procura-se o amor que faça festa,
Para uma vida cheia de ventura,
Que em face da ausência desta,
Possa renascer com toda candura.

Não me ofereça o amor de poeta,
que nasce e morre em plena rima.
Nem vida de casulo em borboleta,
A sugar néctar e morrer na faina.

Mas fale de amor bem claramente,
Como quem na vida se encanta,
Com fusão de cores em sol poente,
Quando a noite lança sua manta.

Não fale do amor de eternidade,
Como disseminadores de ilusões.
Pois quem jura muito a verdade,
Oculta mentiras e cria decepções.

Então ame com toda cumplicidade,
Para o amor não perder sua valia.
Pois a convivência testa a lealdade,
E amor não vem com garantia.


 Toninho.
17/05/2012.

39 comentários:

  1. Cumplicidade, amizade, fazem de um amor mais lindo ainda!

    Linda poesia!! abração,ótima semana,chica

    ResponderExcluir
  2. Lindo poema...amor verdadeiro!!

    Tenha uma ótima semana!!
    Beijos!♥

    ResponderExcluir
  3. Toninho, amigo boa noite!
    Ainda bem que ficou esclarecido (no próprio poema) sobre não buscares o "AMOR DE POETA". Um amor que nasce e morre em plena rima é FRIA!
    ...Então aqui na última frase, falaste tudo...O amor não vem com garantia, mas é o que queremos!
    Inspiradíssimo este seu texto, Lindo!Parabéns!
    Uma linda noite!
    Lembranças
    Ange.

    ResponderExcluir
  4. Toninho, amigo boa noite!
    Ainda bem que ficou esclarecido (no próprio poema) sobre não buscares o "AMOR DE POETA". Um amor que nasce e morre em plena rima é FRIA!
    ...Então aqui na última frase, falaste tudo...O amor não vem com garantia, mas é o que queremos!
    Inspiradíssimo este seu texto, Lindo!Parabéns!
    Uma linda noite!
    Lembranças
    Ange.

    ResponderExcluir
  5. Oi Toninho, demais essa imagem, lindo seu poema, falar de amor sempre inspira belos versos e devaneios, tudo de bom!
    Obrigada pelas dicas fotográficas, agora aqui o tempo tá feio e nem dá pra clicar nada, mas vou postar assim que der um presentinho que ganhei rsss vamos ver se ficou bom o ângulo e a iluminação.
    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  6. O lirismo me encanta. E suas palavras são leves tão quão a poesia que aflora. Parabéns! (=

    Te desejo uma ótima segunda-feira, uma excelente e abençoada semana.
    Um grande abraço.
    Tati.

    http://tatian-esalles.blogspot.com.br/

    Att.

    ResponderExcluir
  7. Chegou a espoletinha !!!!!!!
    Sabia que vc é símbolo de capacidade para escrever poemas encantadores...sua forma de escrever é inquestionável,deixa a certeza do seu potencial...
    Eu particularmente me ajoelho aos teus pés,todas as vezes que passo por aqui.É sempre uma surpresa a mais ...

    "Então ame com toda cumplicidade,
    Para o amor não perder sua valia.
    Pois a convivência testa a lealdade,
    E amor não vem com garantia."

    Lindo meu amigo !!!!!
    bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  8. Oi Toninhobira , poema muito verdadeio gostei, principalmente esse do amor da etenidade,' é pura realidade', parabens amigo por mais esta maravilha de versos . um abraço carinhoso CELINA.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela poesia!
    O amor deve iluminar o ser
    com branca aura de candura.

    Abraço

    ResponderExcluir
  10. "Então ame com toda cumplicidade,
    Para o amor não perder sua valia.
    Pois a convivência testa a lealdade,
    E amor não vem com garantia."

    Será???
    Sempre pensei que se for amor de verdade a garantia é eterna...

    Magnífico e muito inspirado o teu poema!
    Mas há algo que o atormenta, vejo nas entrelinhas...

    Poeta, carinhos...
    Beijos de flor

    ResponderExcluir
  11. Amor, um dos mais belos sentimentos... lindo poema...

    Uma boa noite para vc amigo.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  12. 'Procura-se ...' Toninho
    e que ele chegue assim,de mansinho pra não assustar meu coração rs
    Gostei desse amor maduro , e a garantia é a simplicidade , nao é?
    abraços e obrigada da visita

    ResponderExcluir
  13. Esse sim, posso dizer que é Para Viver um Grande Amor. Acho que eu vou andar com ele debaixo do braço. rsrs

    Que lindo, meu amigo!

    Abraço grande. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  14. Procura- se o amor!!

    Bjs meus

    Catita

    ResponderExcluir
  15. Amigo

    O seu poema é brando, lindo, terno e sabedor das fraquezas humanas.

    "Não me ofereça amor de poeta,
    Que nasce e morre em plena rima"...

    E eu lhe ofereço esse amor
    e nada mais tenho a lhe oferecer...

    Mas amei sua presença no meu "Espelho"
    que um dia, não muito tarde,
    se vai partir...

    Abraço, meu doce amigo,

    Maria luísa

    ResponderExcluir
  16. Que beleza de amor que se procura!
    E eu digo: fale-me de amor do amor que eu falo(rsrs).
    Abração, poeta!

    ResponderExcluir
  17. Obrigada amigo pelo comentário, sempre bem centrado, que com o teu estilo nos deixa feliz, sois o amigo ideal que estáis sempre nos empurrando para frente, principalmente eu que sou um pouco preguiçosa de escrever de criar,aquí em casa é a Vera. Amigo um abraço . Celina

    ResponderExcluir
  18. Toninho, meu querido amigo, se me permite tal tipo de apreciação, gostaria de dizer que entre todos os belos poemas que já escreveu, este é sem dúvida o que mais me encantou. Belo pela autenticidade, pela singeleza que pressupõe uma amor verdadeiro, inteiro e é realmente o amor que completa, que soma e que devemos dividir, enfim, como bem colocado em seu título, o amor que se procura.
    Belíssimo!
    Um grande abraço, meu amigo.
    Celêdian

    ResponderExcluir
  19. Gostei imensamente, acho que por se afinar com o amor em que acredito.
    Lindo.!
    Vou repassar por e-mails a amigos em comum, com seu consentimento.
    bjs

    ResponderExcluir
  20. Fantástico, Poeta!
    Maravilhosos seus versos, receba meus aplausos!
    Beijinhos,
    Valéria

    ResponderExcluir
  21. Oi Toninho!
    Maravilhoso seu poema!
    O amor com cumplicidade e amizade tem tudo para dar certo.
    Abração!

    ResponderExcluir
  22. Esse amor verdade e lealdade é o sonho do ser humano que sabe desprezar fantasias e palavras ditas sem fundamento. O amor que não se promete eterno mas que traz em si o sabor de "para sempre". Belo!!!!!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  23. Olá Toninho,

    Nem garantia nem prazo de validade.
    Gostei imenso das quadras de você, quando especifica o tipo de amor, que pretende.
    E como dizia Vinicius: "Que seja eterno enquanto dure".

    Resto de boa semana.
    Beijos da Luz.

    ResponderExcluir
  24. Tão envolvente
    quanto encantador;
    aprovo teu enredo,
    este a qual
    chama-se Amor!

    ResponderExcluir
  25. Olá Toninho,

    Este é o amor pleno, ansiado por todos. A cumplicidade torna o sentimento vivo, verdadeiro e duradouro.

    "Procura-se o amor que faça festa,
    Para uma vida cheia de ventura,
    Que em face da ausência desta,
    Possa renascer com toda candura".

    LINDO DEMAIS!

    Abraço. Obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  26. Simplesmente maravilhoso!!!!
    Uma declaração feito em versos
    És fantastico em suas escritas
    Misturando poema em realidade
    Aplausos a tí querido poeta

    Que sua noite seja regado de muito amor
    Abraços amigo

    ResponderExcluir
  27. Que venha um amor que some as coisas boas,que diminua a solidão, que divida os problemas e que multiplique as alegrias.
    Lindooooo!
    Beijocas, meu amado!

    ResponderExcluir
  28. Oi meu querido amigo, que lindo o seu poema quando aqui passo não são muitas vezes mas levo sempre mais do que aquilo que deixo.
    A sua sabedoria se espalha por este mundão de amor tenha muita saúde paz e alegria, beijinhos de luz e muita paz...

    ResponderExcluir
  29. Toninho,
    que amor-perfeito este rimado.Não foi etéreo,distante,ao contrário, mostrou-se humano e real.
    Poesia naturalmente inspiradora.Parabéns!
    E a última estrofe foi a cereja do bolo.
    Bjos com alegria.Saúde, paz e bençãos p/ ti e família.
    Calu

    ResponderExcluir
  30. Boa tarde, Toninho! Lindo, lindo, lindo! Um amor de verdade deve ser simples...

    ResponderExcluir
  31. Toninho amigo mineiro,como vai você? estive um pouco ausênte mas estou de volta. Não mais com a mesma frequência devido aos dois empregos que tenho e tudo mais que me estou me absorvendo um pouco mais.....mas enfim a medida do possivel venho te ver...gosto daqui...essa poesia linda...esse amor bonito..esse jeito de amar que você espressa em suas poesias e poemas...abraço amigo ...te estimo..titi

    ResponderExcluir
  32. Olá querido Toninho,
    Que amor de poesia! Linda, meu amigo!
    Para o amor que se procura, há de ter-se muita
    paciência em encontrá-lo, até porque ele não vem com garantia. Adorei esta parte da poesia.
    Você é um poeta extremamente versátil! E escreve verdadeiras relíquias, amigo. Adorei este post.
    Um grande beijo em seu coração.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  33. Este é o amor verdadeiro, mas só coma maturidade para chegar lá.
    Abraço Lisette.

    ResponderExcluir
  34. Olá meu amigo o bom era que o amor viesse com o manual de instrução, assim a gente se guiava melhor mas a maior parte já vem de garantia acabada.Beijinhos de luz e muita paz...

    ResponderExcluir
  35. Amigo Toninho

    A rima nunca morre das palavras deste grande poeta. Mais um encanto de poesia.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  36. Gostei muito...
    Gostava de expressar-me assim...
    Porém, tive outro destino - também foi importante ensinar matemática e saberes científicos.
    Parabéns pelo dom...
    Grande abraço, Amigo.
    Beijo.
    ~~

    ResponderExcluir
  37. Gostei muito...
    Gostava de expressar-me assim...
    Porém, tive outro destino - também foi importante ensinar matemática e saberes científicos.
    Parabéns pelo dom...
    Grande abraço, Amigo.
    Beijo.
    ~~

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.