Páginas

quinta-feira, 10 de março de 2016

Triste partida.





     Triste partida.

Nem mesmo deixou um bilhete,
disparou no seu branco corcel,
os cabelos longos sobre o colete,
ultima imagem ao som do tropel.

Nunca mais viu aquele sorriso,
só uma sombra da foto no perfil,
sem brilho, sem vida e indeciso,
como a flor morta sob Sol hostil.

Como poderia agora nesta hora,
seguir a galope em redemoinho,
sobre desconhecido xucro agora,
se nada sabe dela os caminhos?

Vê ao longe rastros cinza no Céu,
triste sente no coração o espinho,
lagrimas sobre o rosto como véu,
turvam-se os olhos em desalinho.

Toninho
02/03/2016


Nota: Xucro ou chucro: cavalo não domado.

 ************************************
To brincando ali confira: toninhobira.blogspot


37 comentários:

  1. Bom dia, Toninho.
    E um dia, vamos nós também...
    Bela poesia!

    ResponderExcluir
  2. Triste e tão linda inspiração em tua poesia! Adorei! abração, lindo dia, bem feliz! chica

    ResponderExcluir
  3. Meu caro amigo, a nuvem perfeita o inspirou na construção desse magnífico poema. Toda partida gera tristeza. Um abraço carinhoso!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Toninho.
    Que bela musica e o seu poema divino. Toda partida deixa saudade e dor. Amei a imagem da nuvem que ficou parecendo um lindo cavalo. Um lindo dia. Enorme abraço.

    ResponderExcluir
  5. Partidas são sempre triste...
    Mas ainda bem que existem as boas lembranças para nos trazer de volta aquele que partiu.
    Bjssss
    Célia Lima

    ResponderExcluir
  6. Ah! Cavalo chucro, que levou esse amor pra longe, volta, volta nas nuvens, na terra, em qualquer lugar...
    Lindo poema Toninho. Bela e romântica a música do Geraldo.
    Parabéns, mineirinho!!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde, Toninho. A partida é sempre triste, por vezes, necessária.
    Ficamos a sofrer, mas certa hora tudo fica mais ameno, é fato. Encararemos a dor da perda sob uma outra ótica, sem ser a do desespero.
    Linda imagem e bela música.
    Bonita poesia.
    Lindo dia de paz!
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  8. Querido Toninho
    Uma partida é sempre um momento de muito sofrimento que é só o primeiro de muitos outros.Ficou muito bem descrita a sensação que se lhe segue, de uma forme poética lindíssima, a que o Toninho já nos habituou.
    Muitos parabéns.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  9. Assim é a vida caro amiga todos partiremos ficarão para sempre as saudades que o tempo que teima em passar incessantemente nos fará recordar ,muito lindo um grande abraço amigo Toninho.

    ResponderExcluir
  10. Oi Toninho
    Que linda a imagem do cavalo, ah, nem me fale em partida, tão triste....
    Ainda assim muito lindo.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. ~~~
    Triste, mas muito belo, Toninho.

    Beijinho amigo.
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amiga.
      Bom fim de semana de paz.
      Bjs

      Excluir
  12. Partidas que sempre deixam marcas . Marcas que deixam saudades envolvendo -nos no véu das interrogações . Mas sempre há uma partida . Que a chegada seja certa e com um abraço , sorrindo !
    Lindo Toninho
    Beijinho querido amigo

    ResponderExcluir
  13. Oi Toninho,
    Que linda inspiração!
    Rimando no galope da sua poesia me emociono com as poucas belezas que ainda restam da natureza.
    Dê um pulo em Lua Singular.
    Beijos no coração
    Minicontisra2

    ResponderExcluir
  14. A partida é sempre muito triste Toninho. É uma dor que parece não ter fim!
    Mas uma hora ela ameniza.
    Que lindo poema amigo!
    Um grande abraço,
    Mariangela

    ResponderExcluir
  15. Toninho,

    Mas que dama, hein?
    Nem mesmo deixou um bilhete!
    Ingrata...
    Já peguei bronca, viu? Rsrsrs
    Mas o amor perdoa tudo, não é?

    Belo finde!

    Bjks

    ResponderExcluir
  16. Boa noite Toninho, que poema lindo.
    Uma partida que faz doer o coração e que o poeta transforma em magnífica poesia.
    A foto e musica lindas e muito inspiradoras.
    Beijinhos e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  17. Boa noite Toninho, que poema lindo.
    Uma partida que faz doer o coração e que o poeta transforma em magnífica poesia.
    A foto e musica lindas e muito inspiradoras.
    Beijinhos e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  18. Perdeu, meu amigo, perdeu!
    as partidas são todas tristes
    não tem volta!
    só o lamento numa recordativa poesia!

    abraços

    ResponderExcluir
  19. A partida é uma situação cruel,
    mas há quem tenha uma vida...

    que "dizer "Adeus" se tenha tornado
    num destino
    nunca imaginado!

    E o poema é sensível
    e belo!

    Abraço,

    Maria Luísa

    "os7degraus"

    ResponderExcluir
  20. Oi Toninho que beleza esta tua rima.Tanta sensibilidade e ternura ,amei.
    BFS .bjk

    ResponderExcluir
  21. Mineirinho, a foto ficou um show! E a escolha da música mostra seu bom gosto.
    Versos de despedida... como é triste o momento do adeus! Sua construção seguiu um caminho diferenciado e belo. Bjs.

    ResponderExcluir
  22. Que linda imagem que se transformou numa bela miragem que findou com a partida. bjs Bom domingo.

    ResponderExcluir
  23. Tenho esperado por uma oportunidade para escrever.Hoje não fui aceite!
    Mas agora entrei.
    Agradeço seu comentário de uma sensibilidade muito grande, em relação ao tema apresentado nos "7degraus".



    Vim por aqui e a encontrei de novo, na partida sem se despedir e na tristeza que a acompanha nos caminhos desconhecidos, onde a única companhia é o seu corcel. Triste a despedida, o arrancar e fugir à vida...Quantos ficam para trás e ela não vai voltar e sabe que não volta. Penso numa partida, igual a tantas outras e sei que vou sofrer a solidão só minha!

    Boa tarde, quase noite em Portugal,

    Mª. Luísa

    ResponderExcluir
  24. Oi Toninho, triste e tão belo poema! Partidas sempre são tristes.
    Um abraço e feliz fim de semana.
    Amara

    ResponderExcluir
  25. Amigo Toninho:

    Todas as partidas são tristes, mas quando se transformam em poesia, ficam assim belas e eternas.
    Um poema muito bonito mesmo !

    Um beijinho e boa semana

    ResponderExcluir
  26. Muito triste seu poema Toninho. Gostei desta melancolia em palavras poéticas...
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  27. Olá Toninho,

    Partidas já são tristes por natureza, ainda mais quando não há a oportunidade da despedida.

    Poema nostálgico e muito lindo.

    Adorei a imagem do cavalo em forma de nuvem.

    Linda a música.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  28. Amigo Toninho, venho agradecer suas idas ao meu blog, estava viajando e deixo as postagens programadas, mas fiquei feliz em voltar e vê-lo sempre por lá, feliz mesmo... Suas postagens continuam lindas e emocionantes como sempre, parabéns e beijo cheio de luz e para para você, linda semana, querido!
    Eli Matoso

    ResponderExcluir
  29. Boa noite
    Bela imagem, nuvem em formato de cavalo.
    Partidas e ainda sem despedidas,como deixam tristeza.
    Tenha uma semana abençoada Toninho

    ResponderExcluir
  30. Oi Toninho, fui lá e adorei as participações.
    Parabéns
    Beijos Lua Singulat

    ResponderExcluir
  31. Realmente o adeus dói :( Mas muito lindo a forma que você consegue expor emoções através de poemas. Tão difícil nos dias de hoje ainda ver palavras tão bonitas...é tudo tão automático, tão copiado...parabéns pela sua criatividade e belos poemas. Abraços e venha sim conhecer Joinville :)

    ResponderExcluir
  32. Muitas vezes a partida doi muito mais naquele(a) que por algum motivo precisou dizer adeus...
    Poema marcante, querido poeta!

    ResponderExcluir
  33. Muitas vezes a partida doi muito mais naquele(a) que por algum motivo precisou dizer adeus...
    Poema marcante, querido poeta!

    ResponderExcluir
  34. E como é triste dizer adeus dói demais
    e pra quem fica mais triste ainda, pq
    partir sem avisar não é bom, mas gstei do poema bjuss meu doce amigo de sempre
    Rita

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.