Páginas

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Copa dos Milhões.








Imagem Google_Nova Arena Salvador_projeto







Berço de meus pais.
Ou a Copa dos milhões.


Tenho assistido com certa apreensão a nossa desorganização para receber as efetivas obras que se fazem necessárias para a Copa do Mundo de Futebol em 2014 com sedes espalhadas politicamente pelas capitais. Nesta angustia não tem como deixar de olhar para o retrovisor e ver a mãe África, na sua triste realidade pós os eventos da referida copa mostrando as vísceras de uma nação recheada de problemas sociais que parecem foram cobertos ou colocados debaixo dos tapetes vermelhos por onde passaram turistas de todas as partes do mundo inclusive daqui tocando suas Vuvuzelas multicoloridas e chatas, que se calaram com a apresentação ridícula da anfitriã aliada à inoperância da seleção brasileira que esperava conquistar a simpatia daquela nação, como fizera em Guadalajara no México em 1970. Ah, que saudade daqueles canarinhos!

Sinto que a África está a nos cutucar com alguma arma de uma tribo abandonada num canto daquele continente como a querer nos mostrar das mentiras das falcatruas que se praticam para geração e captação de recursos financeiros para edificação de verdadeiras obras de arte da edificação moderna que hoje lá na mãe África está obsoleta, enquanto o povo continua no processo desumano vivendo no submundo relegado a todo tipo de doença e fome daquela pobre gente sofrida que nem mesmo pode assistir aos jogos nos campos onde explorados foram mãos de obra barata e descartada. África é aqui caro leitor. A mesma falta de transparência que se viu por lá estará presente aqui, quando o tempo encurtar e as obras se mostrarem atrasadas como sempre acontecem nestas construções de imensas e belas arenas para o esporte bretão. 

Como adepto deste esporte confesso que sonhava com uma edição desta copa no Brasil. Mas com o tempo e a dimensão que esta festa vem tomando ao longo do tempo com cada país gastando milhões no sentido de superar o anterior. E assim conhecendo como funcionam as coisas no Brasil sem a mínima transparência passei a não desejar mais esta festa suprema do futebol. Não porque ainda vejo o analfabetismo vergonhoso pela falta de recursos na educação dos menos favorecidos. Não porque de fome ainda se morre neste país. Uma violência que se alastra sem freio nem comando, muitas vezes por aqueles que deveriam fazer a segurança. Digo não por ainda saber da vergonhosa presença de trabalho escravo e de menores explorados muitas vezes por políticos e donos de grandes terras. Morre lentamente e continuamente este sonho e nasce o medo a desconfiança.

Assisti a demolição implosiva do estádio em Salvador para a promessa de uma arena moderna com as melhores condições de acesso e higiene ao torcedor segundo um estatuto feito para este. Mas o custo deste projeto a gente nunca vai saber o real e já se especula o aditivo que teria sido aprovado e assim imaginem por todas as capitais onde estão erigindo estas arenas. Enquanto isso ao lado da nova arena Salvador encontra-se a mais lenta e abusiva obra de metrô que se tem historia no mundo se arrastando por mais de 12 anos para um trecho de seis quilômetros onde o projeto inicial previa quatorze. E pasmem o custo desta obra segundo cálculos daria para construir três vezes mais o já feito. O que já foi matéria pejorativa num programa de televisão em âmbito nacional.
É triste rever a África sem festa, sem brilho. Com as Vuvuzelas estocadas caladas nas prateleiras, agora o som que se ouve é da barriga daqueles meninos correndo num improvisado e lamacento campo, correndo e chutando algo que se parece uma bola, mas não é, pois a misteriosa bola Jabulani virou uma peça de museu da Copa que se fez para o mundo e não para eles. Assim penso que o Brasil é a África em nova edição. Mas Caetano Veloso já disse que o Haiti é aqui e nada mudou...

E ainda vamos fazer a mais linda copa do mundo?
Creio que sim, mas para quem e a que custo?
Fique de olho no seu estado!

Toninho
13/06/2011.

Ilustração.

Em junho de 2009, quase dois anos após o Pan, o Tribunal de Contas da União identificou um superfaturamento de 2,74 milhões de reais no serviço de hotelaria da Vila Pan-Americana, e três meses depois divulgou o relatório final de acompanhamento dos Jogos, em que criticou os gastos e a gestão do dinheiro no Pan. Dois dias depois, o CO-RIO rebateu as críticas, classificando como "indevidas" as comparações dos custos dos atletas na Vila com o custo de uma hospedagem comum em hotel, devido à existência de serviços específicos para este tipo de acomodação (alimentação 24 horas por dia, segurança e transporte).O ministro dos esportes Orlando Silva Júnior também defendeu os gastos federais, sem os quais, segundo ele, a organização do Pan seria um vexame. Em outubro de 2009, o TCU condenou Ricardo Leyser, membro do Comitê da Candidatura do Rio de Janeiro para os Jogos Olímpicos de Verão de 2016, a devolver mais de 18 milhões de reais aos cofres públicos devido à suspeita de superfaturamento em gastos no Pan. (Fonte Wikipedia)

15 comentários:

  1. Bem fundamentada tua crônica e realmente é preocupante. Por aqui as obras estão atrasadas e vai faltar muito, tenho certeza..Uma pena. Aliás, acho que não era hora para o Brasil. Temos que investir em educação e saúde primeiramente.Isso vai dar tanta roubalheira, pois aqui nesse país tudo acaba assim e a grana vai sumir... abraços,chica

    ResponderExcluir
  2. A situação está mesmo difícil, aqui no Recife estão começando as obras de terraplanagem da cidade da copa, em São Lourenço da Mata, grande Recife. Já estão pensando o que fazer no final da Copa, olha amigo, existe uma incerteza em tudo, um clima nada bom, mais eu não sou muito chegada a estes assuntos, assisto televisão lendo,e de vez em quando o assunto me interessa levanto os olhos vejo e continuo a ler, política é outro assunto que detesto, sabendo que tudo é política até o próprio lar. abraços Celina

    ResponderExcluir
  3. Olá Toninho
    Aplausos, aplausos. Você foi perfeito em suas colocações, no Brasil vai acontecer a mesma coisas, belos estádios, e o povo na miséria.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  4. Tô adorando essas viagens pela sua 'biografia'...

    muito bom ler vc, amigo!

    bjss

    Catita

    ResponderExcluir
  5. Tens toda razão e é preocupante sim, claro. Esta crítica deveria ser publicada em jornais nacionais.
    Beijos,
    Carla

    ResponderExcluir
  6. Olá, Toninho!
    Estive lendo hoje o post que deixastes lá no pedacinho da Norma e fiquei entusiasmada com a maneira maravilhosa que escreves, por isso resolvi conhecê-lo melhor e estou aqui fazendo-lhe uma visitinha.
    Realmente é alarmante quando pensamos o que será que irão fazer para esta Copa aqui no país, já que a corrupção assola de ponta a ponta este país continental. Uma verdadeira vergonha e assalto aos cofres públicos e um desrespeito ao povo que sofre e trabalha todos os dias em condições precárias de conduções, saúde e,principalmente, educação.
    Voltei na semana passada de visita a um país daqui da Am.do Sul que é um exemplo de civilização crescente e educada - o Chile. Fiquei impressionada com as obras feitas em várias cidades do país, não só em Santiago, mas na pequena Viña del Mar, com muito menos habitantes que Salvador, tem metrô, pasme!
    Quando a gente viaja pra fora e chega ao Brasil, aqui mesmo no Rio de Janeiro, damos conta do quanto se é roubado neste país, pois se você ver o estado que é o nosso Aeroporto Internacional do Galeão que é pior do que uma rodoviária de interior, roubalheira pra todos os lados, ruas esburacadas, sujas, sem um edifício grandioso, sem trem bala, sem respeito ao cidadão de todas as formas, sinceramente, fica-se por quase um mês meio deprê, pensando o que fazem com tanta riqueza deste país, o que fazem dos nossos impostos pago com tanto suor, o que fazem do nosso povo, sendo alimentado com bolsas disso e daquilo e a educação relegada a último plano?!
    Muito triste a nossa situação e você tem toda razão quando fala do que irão fazer com todo o dinheiro que irão gastar para obras fictícias para esta pseudo copa.
    Desculpe-me se me alonguei, mas ando revoltada com tudo isso.
    um forte abraço carioca

    ResponderExcluir
  7. Tens toda a razão Toninho. É preocupante e angustiante mesmo, lógico. Deveria mandar seu post para os jornais.
    Mandou bem amigo!
    Beijos,
    Carla

    ResponderExcluir
  8. Toni,
    Tu tens o dom da palavra - escreves muito bem. Ah, como te gosto, meu amigo!... Tua amizade me é muito rica... quero deixar aqui um beijo em teu coração mineiro.

    ResponderExcluir
  9. Um grande t4xto,nada disto me enche os olhos. O mundo se disolve em guerras de drogas,fome,falta de moradia,miseria,homosesualismo que destroi as infancias,projetos secretos imorais etc... E isto ai que decadencia.

    Muito lindo de tua parte meu amigo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. meu amigo tenha certeza que muito dinheiro será desviado. Muitas licitações fraudulentas ocorrerão.
    Conhecemos nossos politicos e assim como eles são os dirigentes do futebol.
    É pena , mas é a realidade.
    beijos achocolatados

    ResponderExcluir
  11. Bom dia,Toninho!!

    Perfeita crônica!!Faço minhas as palavras da Chica!!Por aqui também esta atrasado e no ritmo que está vai faltar muito, e com certeza não era hora de gastar com isso, nossa saúde e educação estão precisando bem mais de investimento!
    Beijos pra ti!
    *te indiquei para um selo, esta no post de hoje da sala do blog!!

    ResponderExcluir
  12. Meu querido, perfeitas suas palavras... até entendo que o Brasil ame o futebol, mas não vejo com bons olhos gastar tanto dinheiro com tais obras gigantescas, vendo tantas outras necessidades não sendo supridas ao povo, que em muito vive misérias...
    E tudo vai caminhando a passos lentos, quero ver se esta Copa vai ser um show ou um fiasco.
    Ótimo dia meu bom amigo...beijinhos
    Valéria

    ResponderExcluir
  13. Esta música que eu não conhecia é muiuto bela Toninho. Linda! Mente sã orpo são, né não?
    Beijos de bom dia!
    Carla

    ResponderExcluir
  14. Boa noite, Toninho
    Faço minhas as suas palavras, estou hiper preocupada com a desorganização e com os bueiros e ralos enormes por onde vão escoar o dinheiro. Beijos! Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  15. Muito bem dado esse "recado", meu amigo. Acho, sinceramente, vai ser um fiasco daqueles, e que só serviu para "promover" de alguma maneira o "companheiro", que depois disso, o sonho virará porcaria, ops, fantasia.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.