Páginas

sábado, 5 de janeiro de 2019

Preciosidade.


 Hoje é dia da BC_botando a cabeça para funcionar da chicabrincadepoesia que para hoje trouxe bela imagem do blog da amiga MZ de além-mar, onde cada imagem vem como poesia. Aliás nossos amigos de Portugal são Expert em fotografias inspiradoras no retratar as belezas de lá. Vejam: Afectos e duvidas É sempre bonito isto de levar os amigos a outros blogs para que se encantem. Com a imagem abaixo crie livremente.



Quando olho para este mar,
vejo meu Deus com sua luz.
Neste vai e vem sem parar,
há uma brisa leve que seduz.

Donde vem toda esta água,
que deságua infinitamente?
Em mim retira toda mágoa
no mergulhar simplesmente.

Porque matam tantos rios,
antes de verem o Atlântico?
São valas secas com desvios,
do ganancioso vil despótico.

Oh, Deus! Pai da natureza,
Tende piedade da sociedade.
Jorre sobre ela toda clareza,
ver na água a preciosidade.


Toninho
05/12/2019 

Grato sempre. 



20 comentários:

  1. Que lindo poema, Toninho! Botou a Cabeça Pra “Funcionar” com beleza e uma mensagem muito boa... A última palavra citada falou em grande e alto tom!...
    Abraço nosso... Boa noite...

    ResponderExcluir
  2. Boa noite de alegria de novo ano, querido amigo Toninho!
    Uma súplica ao Deus de tudo que foi criado.
    Só Ele pode nos lavar de toda mágoa como tão bem poetou, amigo.
    O Marcão e prova palpável do Grande Amor divino.
    Tenha um fim de semana repleto de paz interior, meu amigo.
    Seja muito feliz e abençoado junto aos seus amados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    🙏🙏🙏
    P, S. Ouvindo o vídeo com calma

    ResponderExcluir
  3. P.S. Que interessante o vídeo que não conhecia. Petrolina e o velho rio Chico me lembraram do pai amado... conheci-os. Nem tudo mostrado no interessante vídeo eu conheci ao vivo. Foi ótimo e refrescou a noite acalorada no Sudeste ver a dimensão da água.
    Obrigada pela partilha do belo e propício vídeo que encabeça seu precioso poema.🙏🙏🙏🌎

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Toninho
    Que belíssimo poema. Oh, Deus! Pai da natureza,
    Tende piedade da sociedade.
    Jorre sobre ela toda clareza,
    ver na água a preciosidade. Amém meu amigo. Um lindo domingo e semana. Ate pensei em ir a praia, mas sem Santy não tenho graça. Mas segunda quem sabe, estou precisando tomar um sol, um banho de mar, andar na areia rsrs, só de imaginar já me animo, eu amo o mar. Abraços meu amigo.

    ResponderExcluir
  5. Simplesmente maravilhosa tua súplica! QWue Ele tenha piedade e q1ue a humanidade tenha consciência e saiba ver ,perceber essa preciosidade que á esse líquido que uns hão de valorizar, apenas quando faltar! Linda! abração, obrigadão! chica( desculpa a demora! Levei teu link!)

    ResponderExcluir
  6. Olá, Toninho!
    Gostei de o ver no meu "Pétalas de Sabedoria".
    Deixo-lhe um abraço e a promessa de que aqui voltarei.
    Bom fim-de-semana.

    ResponderExcluir

  7. Caro Toninho,
    junto-me a essa prece de muita sensibilidade pela proteção da água!

    junto-me ao louvor da nossa água, que também é vossa:

    https://www.youtube.com/watch?v=gtBXGOVDwpI

    https://www.youtube.com/watch?v=fOtbamdhvqo

    bom fim de semana Toninho, bom domingo dos Reis!

    ResponderExcluir
  8. Nossa! Dá até medo de tanta beleza que a água tem. Insípida, inodora e incolor, a água é pura magia. Os sons das águas são os mais variados possíveis, gosto de todos, mas o barulho da chuva acalma a minha alma. O barulho do mar me leva a meditação e o silêncio profundo das lágrimas nos rostos me comovem
    e eu quase sempre choro também.
    O poema é perfeito, principalmente em sentimentos. Minha filha, Gabriella, é professora de linguística na UFRJ, e quando eu leio meus "poemas" pra ela, assim ela fala: É um conto! Eu pergunto por que não é poema e lea diz que os poemas são como bons perfumes em frascos pequenos, que dizem sem querer dizer...e por aí vai... Entendo que ela se refere ao sentimento. Não posso analisar porque não sou acadêmica, mas posso dizer se é perfeito, pra mim, claro.
    Não repara o meu falatório, amigo Toninho. rsrs!
    Um abraço e uma boa semana pra você e sua família.

    ResponderExcluir
  9. Gostei bastante :))

    Hoje:- Embriagada na saudade da distancia.

    Bjos
    Votos de uma óptima Segunda-Feira.

    ResponderExcluir
  10. Sin la presencia del agua, agotaremos la vida en la Tierra, terminaremos extinguiéndonos... creo que somos un 90% de agua, no podemos desperdiciar ni siquiera una gota.

    Me gusta este poema, su formato rimado y su tema. Te felicito por haberlo "gestado". Un abrazo.

    ResponderExcluir
  11. Um poema para rezar, meu Amigo. Gostei muito. É preciso que nos lembramos sempre que a água é um bem de todos e muito escasso para ser desperdiçado…
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  12. "Ah , esse rio de desaguar nas águas claras e bentidas desse mar ! Desse mar de desafogar as mágoas, pelas cachoeiras do meu próprio mar de desaguar". Brincando também, com esse imprtantissimo e crucial suporte à vida, Toninho! Grande abraço mineitro! Belo poema!

    ResponderExcluir
  13. Continuemos, sem desanimar, a 'falar' sobre o descaso que vitima o nosso planeta e os recursos naturais vitais...
    Durante a minha vida profissional tive oportunidade de trabalhar estes temas com jovens, eram assuntos falados com muita frequência.
    Poetizou e encantou, Amigo.
    Abraço grande
    ~~~

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde Toninho,
    Tão belo o seu poema!
    Inspiração divina, que me deixou emocionada!
    Que Deus ouça a sua voz e dê consciência ao Homem para evitar que o Planeta feneça de forma inglória.
    Beijinhos e uma semana muito abençoada.
    Ailime

    ResponderExcluir
  15. Como aqui se prova, a defesa do ambiente também pode ser feita através da poesia.
    Excelente poema, caro amigo, parabéns pela inspiração.
    Toninho, continuação de boa semana.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  16. E aqui começando o ano com você, Toninho, com seus poemas que encantam, por colocar o dedo na ferida quando necessário, por evocar a saudade, por cantar as flores, os pássaros e as casinhas de campo da infância. Nossos mares tão poluídos, tão largados ao descaso...
    Aqui, querido amigo, que em 2019 tenhamos um ano mais feliz!
    Beijo, um lindo domingo.

    ResponderExcluir
  17. A água é um bem essencial à vida de valor inestimável e a sua utilização devia ser feita conscientemente e com moderação.
    Maravilhoso poema
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  18. Mais um belíssimo momento poético, com o mar como tema e uma participação de excelência!
    Beijinho
    Ana

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.