Páginas

sábado, 27 de abril de 2019

Poema dos teus olhos.


















Poetizar e encantar é a proposta da professora Lourdes em seu blog filosofandonavidaproflourdes que lhe convido conhecer e participar, bem como ler outros amigos inspirados por lá. Algumas imagens são oferecidas e nesta semana escolhi a imagem abaixo para minha construção.


Teus olhos sobre os meus é poema,
com versos encantados pelo amor
à submissão de rimas ao fonema,
que não admite rimas com a dor.

Pouso os meus olhos sobre os teus,
espelho nas cores de um arco-íris,
como a linda delicadeza de Deus,
diante Adão solitário em Gênesis.

Sob teu olhar acende toda libido,
deslizo e delicio o corpo desnudo,
há fusão de corpos, no incontido
desejo de amar, soa tão absurdo.

Nos teus olhos a poesia se inova,
durmo sobre versos, sinto clima,
envolvo-te o corpo nesta alcova.
Tu és mulher minha obra-prima.

Toninho
Abril/2019


Gratidão pela sua visita.
Um bom lindo fim de semana.



quinta-feira, 25 de abril de 2019

Memórias de Outono.


Botando a cabeça para funcionar um projeto de leitura de imagens criado pela Chica e Neno seu neto, que acontece todos os das 5,15 e 25.
Conheça e participe e veja os amigos cm suas inspirações: chicabrincadepoesia



Um canto triste de Piedade Senhor,
vem da mangueira de galhos secos,
ali o sabiá olha atento ao seu redor,
lago poluído onde nadam marrecos.

As arvores da praça são despojadas,
de suas folhas verdes na renovação,
no chão folhas secas amarronzadas,
há o crepitar das aves de arribação.

E o canto melodioso corta a manhã,
clemente seduz as chuvas fugidias,
assediadas choram aos pés de tupã.
Então o trovão ecoava, logo chovia.

Para longe voou pássaro solitário,
mas seu cantar ficou na memória.
Era Outono com seu típico cenário,
Cerro os olhos. A Deus toda Glória.

Toninho
25/04/2019


******************
Grato pela visita.