Páginas

terça-feira, 24 de julho de 2012

Lagrimas escorrem.











Lagrimas escorrem.

Se com beijos secam as lagrimas.
Embebeda-se nelas todo o desejo,
Que cresce e atinge as máximas,
Pulsações do coração neste latejo.

Cada gota nos trás as lembranças,
De tudo quanto juntos criamos,
Que agora nestas desconfianças,
Sobram cacos de tudo que juntamos.

Assim é o ciúme na sua trajetória,
Que sempre desagrega as relações,
Com o triste fim de uma historia.

E se perde com estúpida oratória,
Deixa órfão o amor com privações,
Para uma desilusão sem escapatória.

Toninho.

Um texto nem sempre traduz a vida do autor, este é criador de situações e emoções como se elas as sentissem. Alguém já disse isto.

********************************************

Peço uma corrente de orações pela filha de nossa amiga Celina, do blog "seráquefuieu" que hoje a noite passará por uma cirurgia com as bençãos do Senhor.

30 comentários:

  1. Um belo soneto alertando para os possíveis precalços do amor onde a confiança vai ruindo.
    Parabéns Toninho
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  2. Que original poema, com tema tão comum...
    O ciúme, destrói o amor: confiança,acima de tudo!

    Um abraço, Toninho,
    da Lúcia

    ResponderExcluir
  3. Boa noite amigo querido !
    Posso te botar pra dormir?
    Te embalar no teu poema,para que sintas o quanto o teu poetar embala que chega até virar uma canção...lindo...lindo !!!!!
    Bjs enroladinhos de carinho só pra ti!

    ResponderExcluir
  4. Muito lindo,Toninho!!Sempre assim! Um abração praiano e já junto em oração pra filha da Celina! chica

    ResponderExcluir
  5. Olá Toninho, estou passando para apreciar seu blog.
    Espero não ser tarde, mas em oração desde já pra filha de Celina.
    Xeros

    ResponderExcluir
  6. Toninho querido,
    E eu vim aqui hoje para dizer-lhe que o considero um dos melhores escritores desta rede e deixar meu parabéns a você. linda poesia!
    Que tudo corra bem para a filha de Celina com nossos melhores pensamentos a ela.
    bjs cariocas

    ResponderExcluir
  7. Oi Toninho!
    Que lindos versos que traduzem a dor do amor marcado pela desconfiança.
    Parabéns pelo dia do escritor!
    Que Deus proteja a filha da Celina!
    Abração!

    ResponderExcluir
  8. O ciúme jamais trará algo de bom. Ele não acrescenta, apenas subtrai... custei a aprender a lidar com ele, e assim, comigo mesma!

    ResponderExcluir
  9. Meu querido amigo

    Muito bem descrita essa dor de um amor que poderia ter sido eterno...lindo como sempre.
    Que tudo corra bem com a filha da Celina.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  10. Lindo poema de amor, amigo... na dor também se semeia futuras lindas e belas flores...

    Feliz dia dos Escritores! um dia com lindas inspirações!

    Bjs com carinho!

    ResponderExcluir
  11. Tua poesia definiu em detalhes recortados os males do ciúme e as consequências funestas que traz.Versos que alertam contra as dores deste sentimento.
    Mais uma bela poesia, amigo Toninho.
    Parabéns pelo dia dos Escritores!
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  12. Olá querido amigo, adorei o vídeo dos beija flores, fiquei muito feliz pois imaginei você assistindo e se lembrando de mim, obrigado amigo...
    Como sempre suas palavras são tocantes e me comove, dizem que vaso quebrado nunca mais fica bom...não sei para isto existe talvez duas colas boas, o tempo e o perdão...mas cada caso é um caso né amigo..beijos no seu coração

    ResponderExcluir
  13. Linda poesia, amigo! Estou vivendo momentos difíceis com a separação do meu filho, como é triste!! O amor é sempre a melhor opção, e na falta dele, só resta o sofrimento...
    Vou vibrar pela irmã!

    Beijinhos!♥

    ResponderExcluir
  14. TONINHO-O dia é teu também.Escritor são os que colocam seus sentimentos na telinha do Universo,espalha amor,espalha o que o leitor quer ler,sonhos ,magias,fantasias.Escreve com inspiração da Lua,e nas crônicas ajuda a exaltar o que não está bem,com a Nação.Nação unida,jamais será vencida.
    Parabéns Sucesso amigo.Bjus\Flor*

    ResponderExcluir
  15. Tens razao em tudo o que dissestes Toninho... os males de amor sempre me lembram a musica de Chico..."Trocando em Miudos"...

    ResponderExcluir
  16. Olá Toninho,vim deixar meu abraço a você pelo dia do Escritor. Você com tamanha sensibilidade nos encanta com textos e poesias.Parabéns !!

    ResponderExcluir
  17. Amigo,
    sua visita cheia de uma energia boa chegou deixou palavras tão admiráveis .E agora lendo seu texto percebo que, não poderia ser diferente do que li por lá.Um belíssimo poema que fala do amor em seu tamanho e profundidade.O texto talvez nem sempre “traduza” o autor mas se faz forte nos olhos de quem o lê. Um grande abraço Toninho e obrigada

    ResponderExcluir
  18. PS: A fernandinha é um anjinho que chegou a nossas vidas e iluminou. Essa menina é a pessoa mais meiga e doce que já conheci em minha vida.Ela tem um amor tão grande pelas pessoas , um respeito que não é nada comum no mundo de hoje.Tenho o privilégio de conhecê-la e ser sua amiga.E agradeço a ela por ter chegado aqui no seu blog e ver coisas tão bonitas expostas.Um abraço

    ResponderExcluir
  19. Amigo Toninhobira bom dia , eu dei noticias de Lourdes ontem a noite a hora que cheguei do hospital.hoje estou de folga sÓ amanhã. quanto o seu soneto ,muito bonito por sinal diz uma verdade, o ciúme pouco é o tempero do amor como dizem muitos, mais em exagero é mal que prejudica os dois, eu ja fui vítima disso o meu marido era muito ciumento. mais quando existe amor de verdade e respeito tudo vence,foi o nosso caso,abraços Toninho, Obrigada pela visita. Celina

    ResponderExcluir
  20. Quero agradecer a todos as orações pela minha filha, ela está melhor, mais a cirurgia foi adiada por precaução devido o estado que a vesícula se encontra ,muito inflamada, está a base de antibióticos, será reavaliada quando tiver condições aí sim, a cirurgia será feita. rogo a Deus abenção a todos. Celina.

    ResponderExcluir
  21. Obrigado por sua visita e por seu comentário.

    Uma bonita poesia que fala de um tema que tem proporcionado muitos problemas de relacionamento.
    Não confiar dificulta muito.
    Estou ficando por aqui e voltarei outras vezes.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  22. Oração daqui sendo feitas...tudo terminará bem.
    poema sofrido e chorado meu amigo,coisa linda...
    bjs e um dia lindo

    ResponderExcluir
  23. Toninho,soneto que emociona e muito,muito lindo!Vamos orar pela filha da Celina,com certeza!bjs e meu carinho,

    ResponderExcluir
  24. Lindo soneto, amo teus escritos, principalmente os que falam de amor! Lindeza!
    Espero que tudo esteja bem com a filha da Celina, muitas orações e vibrações positivas!

    Beijos

    ResponderExcluir
  25. OI TONINHO!
    TEU TEXTO LOGO ABAIXO DO SONETO, ME FEZ PENSAR, MUITAS VEZES QUEM ESCREVE SE SURPREENDE COM ESTA CONFUSÃO QUE AS VEZES SUCEDE, A DAS PESSOAS CONFUNDIREM A ESCRITA COM A VIVÊNCIA DO ESCRITOR, SEM SE DAREM CONTA QUE O QUE ESTÁ ALI É UMA INSPIRAÇÃO, APENAS...
    MAS, AO MESMO TEMPO, CADA UM COLOCA ALI, UM POUQUINHO DE SUA ALMA, NÃO É?
    ENTÃO TENHO QUE CHEGAR A CONCLUSÃO QUE AO ESCREVER COM A ALMA, EMBORA NÃO SENDO SOBRE A VIDA PARTICULAR DO POETA, ELE É ENTENDIDO PELA ALMA DE QUEM O LÊ, DAÍ A CONFUSÃO...
    LINDA TUA POESIA, ALERTANDO DO QUANTO O CIUME DESTRÓI UMA RELAÇÃO.
    ABRÇS
    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  26. Olá Toninho que poema tão cheio de sentimento.Amei te ler e sempre é assim.

    Beijão querido

    ResponderExcluir
  27. Bom dia,Toninho!!!

    Belíssimos versos!!!
    O escritor coloca tantos sentimentos no que escreve que nos convence!rsrs

    Beijos,meu amigo!!!!
    Tudo de bom!
    *E muitas energias positivas para sua amiga.

    ResponderExcluir
  28. Mineirinho

    A insegurança que alimenta o ciúme sempre provoca lágrimas. Ninguém consegue viver acorrentado, sabendo injusta essa prisão.
    Gostei de sua observação. Geralmente, quem nos lê, costuma, equivocadamente, pensar que estamos vivendo as emoções traduzidas em versos. Bjs.

    ResponderExcluir
  29. Olá Toninho,

    O poema postado revela uma realidade, sem dúvida: o ciúme.
    Ele, de forma normal, faz parte do amor, acho que até é revigorante.
    Quando, em demasia, estraga a relação.

    Beijos da Luz.

    ResponderExcluir
  30. Caro Toninho

    Um triste, mas lindo poema que só você consegue
    elaborar.Parabéns.

    Já estou irmanada na oração e espero que tudo tenha corrido bem com a filha da Celina.

    Um carinhoso abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.