Páginas

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Meu tempo de criança








 






“Toda vez que a tristeza me alcança
 O menino me dá a mão
 Há um menino
 Há um moleque
Morando sempre no meu coração”. 
M. Nascimento.











Filho de pais simples e pobres de uma cidade do interior de Minas nasci e vivi minha infância num bairro operário. O quintal era o meu quartel general onde criava os brinquedos para brincar, criava pássaros e animais domésticos. As brincadeiras eram muitas e a rua era um campo aberto onde tudo se fazia sem os perigos atuais. 


Nossas bolas eram feitas com as meias furadas cheias de retalhos, criava o próprio carrinho com latas de conservas e jogava bolinha de gude.












Tinha horário para tudo, mas o da escola era sagrado, pois todo menino daquele bairro sonhava entrar para o SENAI da Cia Vale Do Rio Doce que remunerava para formar profissionais imediatos e eu consegui esta vitoria. As famílias eram numerosas e a garotada fazia festa nas ruas e adorava brincar quando chovia criando seus barcos de papel os colocando na enxurrada. Algumas brincadeiras as meninas se juntavam, mas os clubes de bolinhas eram famosos. 


Mas toda criança tinha deveres domésticos como molhar a horta, alimentar as criações e varrer terreiro. Fui uma criança feliz viciada com futebol, responsável com os estudos gozava de ótima sociabilidade. 











Hoje esta criança me resgata em momentos que preciso para seguir a longa jornada, então chuto bolas de meia e teco as bolas de gude para amenizar e espantar os problemas com minha euforia e sem duvida da felicidade sigo cantando as velhas canções de rodas que me embalam para uma vida feliz.











 

Nunca permita que morra a criança, que precisa gritar dentro de você.

Toninho.

*******************************************************
Um breve relato da minha infância para uma proposta de blogagem em homenagem ao dia das crianças, idealizada pela querida amiga Beth_lilás do blog,  Visitem.

 

22 comentários:

  1. ♪彡♪♫°¸.•♫°`

    Isso sim é que foi infância saudável!!!
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.

    ♪♫♫°✿°`╮

    ResponderExcluir
  2. Olá! Estou vindo lá do blog da Beth! Que lindo post! Tem infância mais saudável que esta? Maravilhoso! Feliz Dia da Criança! Bjo

    ResponderExcluir
  3. Quando leio relatos lindos como o seu, fico feliz e a minha emoção aflora lembrando a minha infância.
    Tenha um bom fim de semana.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
  4. Parece ter sido uma infancia muito feliz...por isso as lembranças permaneceram com saudosismo...

    Nao apareceu para mim sua atualizaçao, foi por acaso que vim aqui, e custei a conseguir deixar recado...

    Um otimo feriado de paz para vc Toninho...

    ResponderExcluir
  5. Toninho, muito bom encontrar um menino entre tantas meninas. Saudades de ver uma boa bola de meia!
    abs
    Jussara

    ResponderExcluir
  6. Lindo teu relato e recordações, sempre tão boas de ler! abração,chica e ótimo fds!

    ResponderExcluir
  7. Toninho vc sempre nos surpreende, meias ,bolas,retalhos,infância pura e limpa.Lindo amigo,lindo
    bjs

    ResponderExcluir
  8. A maravilha da infância, reside na alegria ena imaginação que naturalmente fazem do mundo um lugar especial e único.
    Vc fez desta fase da vida poesia brincante, amigo.
    Abraços e bom fim de semana.
    Calu

    ResponderExcluir
  9. Toninho,que tempo bom mesmo com algumas dificuldades pelo caminho!aDOREI sua foto lá na Beth tb!Bjs e parabens pelo nosso dia!

    ResponderExcluir
  10. Boa Noite Amigo.
    Hoje tive um dia só para recordar
    de um tempo onde imaginava não ser feliz.
    Agora depois do tempo passado percebo
    por pior que foi minha infância ainda resta no coração uma infinita saudade.
    amigo na segunda envio o mimo para vc essa semana tive que andar como maluca atrás de médico para meu esposo.
    Ontem até poderia ter ido ,mais parece que metade de SP desceu a serra mesmo com chuva.
    Eu tenho medo de andar com tanto transito a alguns anos aqui ñ era assim.
    um feliz final de semana beijos ,Evanir.

    ResponderExcluir
  11. Com carinho para você!

    SALMO 23

    O SENHOR É MEU PASTOR,
    Isto é relacionamento!

    NADA ME FALTARÁ,
    Isto é suprimento!

    CAMINHAR ME FAZ EM VERDES PASTOS,
    Isto é descanso!

    GUIA-ME MANSAMENTE A ÁGUAS TRANQUILAS,
    Isto é refrigério!

    REFRIGERA A MINHA ALMA,
    Isto é cura!

    GUIA-ME PELAS VEREDAS DA JUSTIÇA,
    Isto é direção!

    POR AMOR DO SEU NOME,
    Isto é propósito!

    AINDA QUE EU ANDE PELO VALE DA SOMBRA DA MORTE,
    Isto é provação!

    EU NÃO TEMEREI MAL ALGUM,
    Isto é proteção!

    PORQUE TU ESTÁS COMIGO,
    Isto é fidelidade!

    A TUA VARA E O TEU CAJADO ME CONSOLAM,
    Isto é disciplina!

    PREPARAS UMA MESA PERANTE MIM NA PRESENÇA DOS MEUS INIMIGOS,
    Isto é esperança!

    UNGE A MINHA CABEÇA COM ÓLEO,
    Isto é consagração!

    E MEU CÁLICE TRANSBORDA,
    Isto é abundância!

    CERTAMENTE QUE A BONDADE E A MISERICÓRDIA ME SEGUIRÃO TODOS OS DIAS DE MINHA VIDA,
    Isto é benção!

    E EU HABITAREI NA CASA DO SENHOR,
    Isto é segurança!

    POR LONGOS DIAS,
    Isto é eternidade!

    Que o Senhor te abençoe e te guarde!

    ***Lucy***
    http://frutodoespirito9.blogspot.com/

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu, deixo aqui o meu convite.

    Paz, saúde e felicidades a você e toda sua família é o meu desejo e oração.

    Em Cristo,

    ***Lucy***

    P.S. Visite também:
    http://discipulodecristo7.blogspot.com/
    Temas bíblicos e mensagens abençoadoras.

    ResponderExcluir
  12. Muito agradável ler o relato da tua infância,me ocorreu lembrar que hoje são poucas as crianças que têm obrigações domésticas, nós em casa também participa-vamos.Parabéns pelas tuas conquistas.
    Obrigada pela visita ao Longevidade e pelas palavras gentís. Você será sempre bem vindo.

    ResponderExcluir
  13. Toninho, meu amigo! Muito obrigada pelo carinho e pelo comentário lá no blog! Lindo demais teu post nos remetendo à infância há muito esquecida, mas que ainda vive dentro de cada um de nós... E vamos nóis... Estou pedindo teu voto para a nova fase do Top Blog, o Top 100 Top Blog. Posso contar com teu voto? Se já votou em alguém, não tem problema, pois pode votar em quantos blogs quiser! Para votar é tudo igual como da outra vez! O Selo já está na lateral direita do blog, onde estava o outro! Desde já agradeço, de coração! Juntos chegaremos!
    Ótimo final de semana!
    Abraço carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Toninho, querido amigo, há quanto não nos falamos? Mas , é um grande prazer, acredite, vê-lo nos meus comentários, e maior ainda é poder ler esse relato de sua infância, lembrei-me da minha. Quanta emoção!
    bjs , amigo

    ResponderExcluir
  15. Queridíssimo Toninho, meu poeta favorito da rede!
    Pois então, esta postagem não apareceu em meu blog roll ontem, passou, este Blogger danado faz isso com a gente. Mas, lendo a de hoje, pude ver que você fez sua postagem e os amigos vieram, isso é que é mais importante, pois a ideia da coletiva foi pra isso,para aproximar novos amigos e cada um conhecer mais do outro.
    Eu já o conheço bastante para saber que tão nobre coração só poderia ter sido criado assim, com carinho, amor e participação na vida. Quando leio relatos como o seu, vejo que a criança que teve tudo de material pode não ser o mais feliz adulto, pois tudo isso passa, mas a alegria daqueles tempos, as brincadeiras com outras crianças e a cabecinha leve sem preocupações, fazem o adulto completo que vemos hoje.
    Linda sua participação, obrigada por ter aceito meu convite e
    Viva nossa criança interior, sempre!
    beijos, muitos, cariocas






    ResponderExcluir
  16. Olá Toninho,
    Essa ciranda que a Beth Lilás propôs foi ótima para podermos conhecer novos blogs interessantes.
    Seu relato foi muito bom. Nossas raízes são importantíssimas para os valores atuais.
    Mais um mineiro por aqui... Também sou.
    Tudo de bom.
    Já estou linkada aqui no seu blog.

    ResponderExcluir
  17. Oi Toninho!
    É, mudam as brincadeiras de menino e menina, mas a vivência é a mesma.rsss
    Ao final ganhamos nós que tivemos o privilégio de ter uma infãncia tão rica mesmo sem o que há hoje em dia. Por isso a criança em nós é tão forte, tão presente.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  18. Adorei Toninho.
    É bom demais relembrar a infância.
    Te vi lá na Beth.
    Boa semana
    Xeros

    ResponderExcluir

  19. Aqui revivendo as lembranças de uma infância que deixou saudade...
    Meu amigo, ate eu mesma viajei aqui, seu texto me levou de volta a este lugar humilde, (onde conheço muitos destes brinquedos feitos por mim mesma) e vivi minha infância. Esse mundo é grande né amigo?

    Fica com Deus!
    Meu abraço
    Ange.

    ResponderExcluir
  20. Olá poeta e conterrâneo Toninho,Saudades.Como sempre seus poemas e texto carregados de emoção.Sempre visito-o .Tenha uma semana de paz e alegrias.Docecomomel.

    ResponderExcluir
  21. Maravilhosa postagem.
    Momentos mágicos que não voltam, mas que certamente são revividos pelas nossas crianças de agora com outras formas de folguedos.

    Feliz dia a todas as crianças e a nós, crianças
    que ainda somos.

    Um abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.