Páginas

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Exilado do seu coração.




Sou a esperança encarcerada,
Agônica nas grades do coração.
Nas noites sem luar a amada,
A sofrer na apodrecida relação.

E você tão distante na inércia,
Que maltrata minha existência,
Cada dia uma estranha tirania,
Onde apenas vivo a penitencia.

Vivo o exílio na ilha dos amantes,
Cada dia se arrasta lentamente,
As águas que vêm como visitante
E logo se afastam naturalmente.

No desespero me vem uma prece,
Que as águas corroam os grilhões,
Deste coração que apenas padece,
Nestas derradeiras alucinações.

Toninho.
02/05/2013
Apenas uma inspiração
Da série: No coração de uma mulher.
Colocar-me em uma delas. O Chico Buarque tem esta habilidade,que sempre admirei por isso a ilustração com uma de suas canções no coração de uma mulher.
********************************************
 Uma boa semana para nós.

35 comentários:

  1. Lindo,Toninho! Adoro tuas inspirações que chegam e arrasam sempre! abração,linda semana! chica

    ResponderExcluir
  2. Toninho você nos leva ao deleite com teus versos inspirados e românticos. Belíssimo!
    Beijinhos
    Gracita

    ResponderExcluir
  3. Nao é bom ser exilado de um coraçao...
    Beijos...

    ResponderExcluir
  4. A vida só vale com todo o sentimento...
    Poesia forte, sofrida. E linda.
    Beijo!
    (vou lá por Facebook, me encontrar com você. rs)

    ResponderExcluir
  5. Olá Toninho
    Nem todas as relações são como gostaríamos que fossem. Faz parte da vida.
    Abração

    ResponderExcluir
  6. Um coração aprisionado pela paixão, dolorido as vezes. Lindo querido. Bjus pra ti.

    => Gritos da alma
    => Meus contos
    => Só quadras

    ResponderExcluir
  7. Bom dia!!!
    Que esse coração seja liberto para amar
    em liberdade, divino como sempre
    Abraços com carinho
    Bjuss
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  8. O coração precisa ser curado....abraço Lisette.

    ResponderExcluir
  9. Pungentes lamentos ecoam pelos teus versos sofridos nesta agônica situação.
    Beleza e tragédia compilam o poema.
    Abraços, poeta.
    Calu

    ResponderExcluir
  10. Olá, querido Toninho!
    Como é grande a dor de um coração que sente-se preso.
    Há amores que maltratam mas há aqueles que curam.
    Lindo poema!
    Beijos,
    Lis

    ResponderExcluir
  11. Olá Mineirinho,
    Que poema profundo!!! Lindo!!!
    Bons fluidos.

    ResponderExcluir
  12. Vixe...achei tão triste esse lamento que cheguei a sentir daqui essa dor.
    Beijuuss

    ResponderExcluir
  13. Olá, Toninho
    Simplesmente maravilhosa,esta sua postagem!
    O vídeo com a canção de Chico Buarque,um cantor que muito admiro, é belíssimo,romântico,enternecedor.
    O seu poema é igualmente belo,profundo,sentido.Denota tristeza, que parece vivida.Parabéns,grande poeta.
    Beijinhos da
    Beatriz

    ResponderExcluir
  14. OI TONINHO!
    TEU TEXTO É LINDO, O QUE SE SABE POIS TUDO QUE ESCREVES É ASIM, TOCANTE...
    GRATA PELAS PALAVRAS GENTIS LÁ NO "SÓ PRA DIZER".
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Tão lindo, Toninho!... Boa tarde.

    ResponderExcluir
  16. Amigo, obrigada pela sua visita. Estarei ausente por uns tempos, mas logo voltarei, se DEUS quiser...
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Prezado amigo
    vim agradecer a sua presença lá no meu recanto! Muito Obrigado!
    Se pode visite meu site Obrigado http://www.mariaalicecerqueira.com.br/
    abraço fraterno
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  18. Muito linda e comovente poesia de amor!Adoro o Chico tb!bjs,

    ResponderExcluir
  19. Um mergulho na dor de amar e não ser amado na mesma intensidade.Não mudamos o outro e por mais que doa, não há muito o que fazer senão nos "mudar".Belíssimo, Toninho e a música é perfeita.

    Beijinho, querido e bons sonhos. rs

    ResponderExcluir
  20. MUITA DOR PARA QUEM AMA TANTO...
    ESTOU ME RECUPERANDO DE UM BRAÇO QUEBRADO E SINTO DIFICULDADES EM DIGITAR COM UMA SÓ MÃO!

    BJUSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  21. Dor e sofrimento emoldurados nas pontas dos seus dedos.
    bjs

    ResponderExcluir
  22. Mineirinho
    Esse exílio e por demais triste, porque não desejado. Linda inspiração. Bjs.

    ResponderExcluir
  23. E que inspiração mais deliciosa de ler.
    Beijinho Toninho.

    ResponderExcluir
  24. Sofrido, mas lindo e profundo momento de inspiração!

    Beijos.

    ...Tem razão... Amor é amor... E se transforma...

    ResponderExcluir
  25. Bom dia meu querido,mais que querido amigo!
    Amigo das grandes inspirações...
    Buscando nas rimas do sofrimento,ainda vejo um poema redigido virando canção.
    " Vivo o exílio na ilha dos amantes,
    Cada dia se arrasta lentamente..."
    Que versos tão lindos! Por ser uma declaração de Amor perfeita.Ficou muito bonito este poema.
    bjsssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  26. Olá Prezado amigo
    Vim agradecer a sua presença lá no meu site. Muito Obrigado!
    Fique Com Deus!
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  27. Oi, Toninho!!
    Uma construção barroca por assim dizer :) Chico Buarque bem podia vir ler...
    Comentei na postagem da BC da Norma. Sim, estou atrasadinha! Eu tardo mas não falho! :)
    Beijus,

    ResponderExcluir
  28. Oi Toninho
    Que lindo! Apaixonante!
    Bjos.
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Amigo, você entendeu a alma feminina e demonstrou isso na poesia.
    Bom fim de semana!
    °º✿✿ Beijinhos do Brasil
    °º✿
    º° ✿✿° ·.

    ResponderExcluir
  30. Belo dia de domingo menino inteligente !
    Seus poemas tem muito de imperativo do qual é sempre uma obra prima...
    Deixo aqui o link de uma história fenomenal do qual vale muito a pena conferir para termos consciência do valor da vida diante da morte.É uma história não conhecida por vc ,mas vale muito a pena seu depoimento como comentário...
    Bjs da espoletinha viu!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    http://lucinhasdreamgarden.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Toninho,

    Obrigada! Adorei!

    beijos

    ResponderExcluir
  32. Lindo, Toninho!
    Tua inspiração nos encanta!
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  33. Caro Toninho

    Duas habilidades que se completam. A sua e a de Chico Buarque.
    Lindo.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.