Páginas

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Flores mortas.










São flores mortas pelo terreiro,
Que se Espalham pelo caminho,
Vidas esquecidas num canteiro,
Dói o coração com0 um espinho.

Ainda assim sente um perfume.
Vem da estação como herança.
Uma lembrança que ainda une,
As duas vidas nesta esperança.

Agora ao passar pela estrada,
Apenas ouço soluços desta flor,
Que sem perfume é rejeitada,
Nada mais significa de amor.

Se assim forem as nossas vidas,
O amor há de ser a fecundação.
Para renascer a flor preterida,
A alma que perfuma o coração.

Toninho
14/11/2013   
*****************************************************
Um bom feriado a todos e que a esperança seja nossa companheira.





21 comentários:

  1. Boa tarde amigo Toninho !
    Bela poesia !

    Beijos !

    Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
  2. Esqueci de dizer gostei da música... rs

    Beijos amigo !

    ResponderExcluir
  3. Olá, amigo Toninho
    Fundo musical de muito bom gosto...
    A flor preterida seja a compatível com o nosso desejo interior...
    Bjs fraternais de paz e bem

    ResponderExcluir
  4. Ternos e sensíveis os seus lindos versos querido. Deixo um beijo carinhoso.

    ResponderExcluir
  5. Sempre bem inspirados teus poemas e só o amor pra fazer renascer as flores mortas em nossas vidas! abreação, lindo feriado! chica

    ResponderExcluir
  6. É preciso sempre ter esperança no que renasce... ainda que sejam flores mortas...

    Um otimo fim de semana de paz para vc Toninho...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  7. "Agora ao passar pela estrada,
    Apenas ouço soluços desta flor,
    Que sem perfume é rejeitada,
    Nada mais significa de amor."

    Significativo e tocante esta parte do teu belíssimo poema...

    Que Deus te proteja, querido poeta!
    Beijos de paz e luz.

    ResponderExcluir
  8. O amor cura Toninho, mas ouvi uma música ontem falando que ele acaba sozinho em um quarto escuro...

    Beijos e BFD!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Oi Toninho, desejo uma semana de muita paz, a tua poesia não deixa de ser bonita, fala das flores do caminho, bem poético mesmo. Um abraço fraterno, Celina

    ResponderExcluir
  11. Olá meu amigo Toninho, dei uma passada aqui no seu canto de poesia para aprecia-las.

    Abraço

    ResponderExcluir
  12. Ei Toninho
    Seu gosto musical é muito bom, tal e qual seus poemas.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  13. Boa tarde,Toninho
    Apesar de estar na primavera,vê flores mortas! Mas o amor vai fazer renascer a flor...Que belo e poderoso é o amor!
    E como é sempre grande a sua inspiração!
    Uma bela canção e um belíssimo poema para encantar o nosso outono.
    Muitos parabéns.
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderExcluir
  14. Toni,

    O amor sempre fecunda e traz de volta a cor e o perfume, onde já se pensa não mais encontrar.

    A leitura dos teus versos é sempre agradável demais! Gr. Bj.!

    ResponderExcluir
  15. Que as flores sempre possam voltar. Que seja sempre princípio de PRIMAVERAS. Não canso de admirá-las, meu amigo.
    Lindo poema... Um encantamento só!!
    Abraço

    ResponderExcluir
  16. Olá, querido Toninho!

    Acho que tudo na vida renasce, e o amor, sobretudo, tem esse maravilhoso e inegável poder.

    Hoje, é outono, mas "amanhã" será já Primavera.
    O mundo é composto de mudanças e ainda bem, caso não seria tudo uma pasmaceira.

    O seu belo e bem estruturado poema, isso nos demonstra, de forma muito sábia e eloquente.

    Escutei o vídeo, que não conhecia, e gostei muito do seu bom gosto musical.

    Bom domingo, com flores em seu olhar.

    Beijos da Luz, com amizade.

    PS. novo post no "Afetos e Cumplicidades", cujo tema interessa a todos nós, sobremaneira. Obrigada!

    ResponderExcluir
  17. Tudo pode ser renovado....adaptado.
    Abraço Lisette

    ResponderExcluir
  18. Toninho boa noite, tive que fazer uma rápida viagem domingo, regressando na segunda feira, não tive nem tempo de responder a tua bonita mensagem , pela qual estou agradecendo agora,. Uma semana de muita paz e saúde para vc e os teus . Celina.

    ResponderExcluir
  19. Flores mortas, preteridas soluçando pela estrada que logo há de fecundar. Encantei-me. Triste e de muita beleza. E a canção de Emilio Santiago, hà muito tempo não ouvia.

    Uma linda semana cheia de luz

    ResponderExcluir
  20. Olá amigo "T-r-i" (rindo que nem que eu, né?)-rsrsrs
    Como é bom ouvir Emílio Santiago. Segundo Fonoaudiólogos, ele tinha a voz mais "perfeita" do Brasil. Triste perda.

    Quanto ao poema, simplesmente admirável.

    Grande abraço.


    ResponderExcluir
  21. Mineirinho
    A canção é bela. Ele possuía uma voz maravilhosa.
    Flores seguem seu ciclo, até que caem. Mas renascem. O amor há que ser cuidado, para não ir ao chão, porque acaba, definitivamente. Bjs.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.