Páginas

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Mas tu sabias




Já não dói saber, que tu partiste,
pesa esta lembrança do que existe,
neste instante que ando tão triste,
mas tu sabias de quanto me feriste.

Vago pelas ruas desertas da cidade,
nada encontro além de mariposas,
mortas na noite sem luminosidade,
mas tu sabias das noites pavorosas.

Medo em te saber pela noite vazia,
se oculta na neblina da madrugada,
na rua translucida procura tardia,
mas tu sabias da longa caminhada.

Agora que as luzes se apagam na rua,
dos bares os acordes do último violão,
escorriam nos becos sob a luz da lua,
mas tu sabias como doía meu coração.

Toninho
20/10/2014
 
Apenas uma inspiração na expressão: "Mas tu sabias", que fora usada numa blogagem coletiva, http://77palavras.blogspot.com.br/2014/10/desafio-radio-sim-n-18.html, onde os participantes tem de usar a expressão a repetindo por 3 vezez ou mais e eu li na pagina da Majoli aqui: majoli-rabiscosdaalma.

Obs. Tenho muita vontade de participar deste exercicio, mas ainda não consegui me programar, mas ainda vou.  A Chica sempre participa com toda sua criatividade.

30 comentários:

  1. Delicadeza nas palavras e solidão na alma foram ingredientes primordiais para compor este belo poema. Gostei!
    Uma tarde cheia de alegrias, meu amigo!!!

    ResponderExcluir
  2. A solidão e a saudade do amor que partiu, foram expressas nesse poema lindo, que nos desvenda sua alma e nos sofrer contigo!
    Muito top essa BC
    Abração, Rê!!!!

    ResponderExcluir
  3. Ficou linda tua inspiração!!E basta que retires algumas palavras, podes participar!

    Claro que tu consegue!!! Tu és danadinho de inspirado! Vai firme e esse projeto acontece de 10 em 10 dias. Sempre dia 10, 20 e 30 do mês! Adorei te ler e tomara te veja por lá,rs abração,chica

    ResponderExcluir
  4. Como diz a Chica, inspiração não lhe falta Toninho...por isso, toca a participar, também espero vê-lo por lá... Xi coração

    ResponderExcluir
  5. Que lindo, amigo Toninho, ainda que triste. Mas mais vale sofrer por ter amado do que nunca ter conhecido o amor...
    A música da Cássia Eller é perfeita para este poema!
    Um abraço
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
  6. PARA MÍ, UN TEMA NOSTÁLGICO.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  7. Oi Toninho
    Como? Você não consegue participar deste exercício,- não amigo, com todo este talento é impossível.
    Vá em frente....
    Um abração

    ResponderExcluir
  8. Boa noite, Toninho.
    Linda demais a tua participação, inspiradíssima, onde só vi uma grande beleza em meio aos acontecimentos tristes da vida.
    E quando dói um coração, não existe nada para consolar, esta é a verdade, ao menos, a minha.
    Concordo com você, a Choca é sempre criativa.
    Parabéns, amigo.
    Tudo de bom.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  9. Ficou muito bom, bem do sei jeitinho. Também gosto deste desafio, mas não sabia dele. bjs

    ResponderExcluir
  10. Bravo! bravo, Toninho!
    Poesia linda!
    Além dos dias 10, 20 e 30 em que saem novos desafios, pode enviar por e-mail textos ou poemas referentes aos outros desafios indicando o número e a Margarida da Rádio Sim, vai adorar!
    Como disse a Chica pode enviar este poema tirando algumas palavritas para perfazer 77!
    Beijinhos e obrigada pelo seu comentário!
    Quero tentar melhorar;))!
    Ailime

    ResponderExcluir
  11. A nostalgia que envolve este poema não lhe tira beleza, pelo contrário, acrescenta-lhe suavidade, enriquecendo-o.
    Gostei muito.
    Meu amigo Toninho, anda um pouquinho desaparecido... tenho saudades de o ver lá na minha «CASA»...
    Apareça.

    Beijinhos
    Mariazita

    ResponderExcluir
  12. Uma pungente colocação do tema nos versos nostálgicos da saudade constatada.Uma partida sentida deixa em si um laço.
    Linda participação, amigo Toninho.
    Um belo dia aí.
    Abraço,
    Calu

    ResponderExcluir
  13. E que inspiração! Você é maestro na colocação das palavras.Elas vêm sempre floridas.
    Quanto ao poema é a sensibilidade emoldurando a solidão presente.Nostálgica, mas bela!
    Abração.

    ResponderExcluir
  14. Achei lindo... foi perfeito para apenas uma inspiraçao...

    Beijos ...

    ResponderExcluir
  15. Mineirinho, você é inspirado e talentoso. Quem fere, no amor, conhece a dor que deixou no outro coração. Saudade ao olhar para trás , enquanto machuca ainda, é desoladora. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Momento de total inspiração. Amei.
    Abraço

    ResponderExcluir
  17. Oi Toninho!
    A partida de um amor deixa uma marca profunda dasolidão que ficou. Linda inspiração.
    Abraços,
    Mariangela

    ResponderExcluir
  18. Todos os desafios saem bem quando se tem talento meu amigo Toninho.
    Um poema nostálgico mas muito belo, saiu na perfeição.

    beijinho e tenha um bom fim de semana

    ResponderExcluir
  19. Talento e inspiração vc tem, vá em frente, e sucesso!. Espero que estejas bem , um abraço fraterno amigo Toninho.

    ResponderExcluir
  20. Oi Toninho! Que nunca lhe falte inspiração! Que beleza! Um bom final de semana! Tetê

    ResponderExcluir
  21. Olá, amigo Toninho
    Bem que eu sabia que ia ler aqui em seu blog mais um lindo poema...
    Parabéns!!!
    Ainda bem que é um poema pois andar a esmo pela cidade com tristeza no coração deve ser muito duro...
    Bjs fraternais

    ResponderExcluir
  22. °.♪♬
    Inspirado em desafios ou não... sua poesia é única... sai do coração e cada um tem seu jeito de ser.
    Você sempre nos surpreende o tempo todo!!!!

    Bom fim de semana, amigo!
    Beijinhos de Itabira.
    Você quase não a reconheceria agora... isso eu lamento também. Quem sabe se um dia essa comparação te inspire em mais um poema?!...
    °.♪♬♫彡

    ResponderExcluir
  23. Poema triste e lindo. E ela sabia de tudo...
    Parabéns Toninho.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  24. Participar de BC é uma delícia...
    Já participei bastante, mas agora o pouco tempo que tenho não me permite mais tanta frequência. Pena...
    E esse poema está uma maravilha, como sempre.
    Uma linda semana, com esperanças, sempre!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  25. Deixando um abraço
    ( penso que já comentei, aqui)
    boa semana Toninho
    _e que Deus nos ajude nessa nova cainhada para um Brasil
    mais honesto,
    abraços

    ResponderExcluir
  26. E que inspiração Toninho, muito linda, vem de tua alma sensível, abraços Luconi

    ResponderExcluir
  27. Olá amigo,

    Bem precioso o poema. É preciso arte para criar versos com expressões pré escolhidas e sendo impostas suas repetições.
    Mas você é "o cara" da inspiração e da criatividade.

    Carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
  28. Belíssimo poema , como sempre Toninho
    Te desejo uma semana repleta de alegrias.
    Um abraço carinhoso de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  29. Lindo poema, te organiza e conseguirás participar.
    Abraço Lisette.

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.