Páginas

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Zumbi na praça.
















Agora um Zumbi numa praça, solitário.
Líder e guardião da historia a preservar.
Olhos atentos ás trapaças dos adversários
Sem a sua Serra da Barriga a lhe abrigar.

Aos seus pés dançam e tocam tambores,
Meninos livres Olodum no seu repicar,
Com um misterioso som provoca açores
Que enfeitiçados todos querem é dançar.

Este é o grande guerreiro da libertação,
Que guiou pela selva os negros sofredores
Torturados e explorados da escravidão,
Onde lá renasceram em bravos lutadores.

Na Praça Zumbi vê a nova escravidão,
Que o povo é submetido para sobreviver,
Pois que se explora como mesma omissão,
Para a produção dos que vivem no poder.



Toninho.


************************************************
Fotos proprias.
*************************************************
Assim disse catia Bosso: Grato pela interação.

Esse poder que leva o homem a morte
Esse poder que leva a uma tal liberdade
Uma tal omissão, uma tal sorte
Esse poder um dia, levará a forca com força
Quem depende de uma alforria!
**********************************************










23 comentários:

  1. Uma bela poesia e uma linda imagem de Zumbi, um verdadeiro herói que todos devem reverenciar.
    Um abraço.
    Élys.

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo querido, desculpe-me pela ausência por aqui, mas confesso que sempre que me achego de mansinho, sinto-me abraçada por tua poesia e simpatia.

    Bela poesia, meu querido, sem contar que tu dás um excelente fotógrafo.

    Beijo na alma,
    Sam.

    ResponderExcluir
  3. Olá mineirinho,
    Obrigada por sua amabilidade, sua visita especial.Este poema que retrata Zumbi com grande beleza, só poderia vir de um grande poeta também.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  4. Falaste tudo na poesia.Ele ali ,agora na praça,. ainda rodeado e festejado, pode, mesmo assim ,ver os outros tipos de exploração que ainda, infelizmente, existem! LINDO trabalho! abração,chica

    ResponderExcluir
  5. Realmente vivemos um outro tipo de escravidao...
    Tenho muito orgulho da mistura de raças que trago em meu sangue e entre elas esta o sangue negro...
    Beijos Toninho...

    ResponderExcluir
  6. zumbi dos palmares, aquele que inventou a liberdade, antes que a domesticássemos sob
    a forma de liberdade para comprar.
    a
    l

    ResponderExcluir
  7. Adorei, belo poema sobre o Zumbi!

    Beijinhos!!♥

    ResponderExcluir
  8. Linda imagem e o teu poema sempre tão surpreendente! Admiro muito você!
    Beijos amigo!

    ResponderExcluir
  9. Oi Toninho homenagem linda ao Zumbí dos Palmares éle que disse 'ANTES A MORTE, DO QUE A VIDA SEM LIBERDADE'Um final de semana de muita paz, abraços Celina.

    ResponderExcluir
  10. Olá Mineirinho, como vai?
    Consciência negra nas palavras. Lindo!!!
    Tudo de bom.

    ResponderExcluir
  11. Muito própria a sua crítica poética.
    De que vale louvar dia disto ou daquilo se a prática é desumana

    ResponderExcluir
  12. Esse poder que leva o homem a morte
    Esse poder que leva a uma tal liberdade
    Uma tal omissão, uma tal sorte
    Esse poder um dia, levará a forca com força
    Quem depende de uma alforria!


    Amigo, as vezes me atrevo a escrever coisa seria...

    bjsMeus
    CAtita

    ResponderExcluir
  13. De forma que há muito ainda o que mudar. no entanto, já ajuda ter um dia para lembrar que é possível lutar por uma igualdade maior.

    ResponderExcluir
  14. É Toninho
    O tempo vem mudando o cenário, felizmente.
    Ainda não é o ideal mas já há mais respeito, nao por essa mas por várias outras causas.
    Sou otimista.
    meu abraço de uma noite feliz

    ResponderExcluir
  15. Olá, amigo sua poesia retratou uma grande verdade e concordo: " na praça Zumbi vê a nova escravidão" Quem nos alforriará? Abraços!

    ResponderExcluir
  16. Zumbi, eternamente na nossa história.
    Agradecida por sua presença, sempre.
    Xeros

    ResponderExcluir
  17. Olá amigo, muito bom ter chegado a tempo de presenciar e ler esta homenagem! muito lindo o poema, parabéns! Bom estar na sua casa novamente rsr Abraçosss

    ResponderExcluir

  18. Olá Toninho,

    Linda homenagem à celebração do "Dia Nacional da Consciência Negra" e ao líder do quilombo dos Palmares.
    Os últimos versos retratam uma triste realidade.

    Meu abraço.


    ResponderExcluir
  19. Caro amigo, uma bela homenagem a um grande herói, um exemplo a ser seguido, aliás todos brancos ou negros, o povo brasileiro em geral com ele deveriam aprender, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  20. Somos todos iguais. Pena que nem todo mundo entenda ou aceite isso.
    Mas nossas histórias são únicas. Então, aproveito para lhe fazer um convite muito especial:

    Promoção de Natal de Sônia Silvino's Blogs:

    Como foi o seu melhor Natal?

    Para participar, é só contar na postagem do dia 20/11/12 no blog fLaShBaCk.CoM:

    http://soniasilvinoflashback.blogspot.com.br

    Maiores informações aqui:

    http://blogsdasoniasilvino.blogspot.com.br

    Participe! Boa sorte! Boas Festas!

    Beijocas, muitas!!!

    ResponderExcluir
  21. Excelente e oportuno seu texto, Bira.

    ResponderExcluir
  22. Bela homenagem ao mártir de um povo que não teve receios de lutar contra quem se dizia grande.
    Poema carregado de história que leva para todos a noção do verdadeiro heroísmo que é um ser humano lutar pelos seus iguais.
    Tenha uma semana abençoada e com muita luz, Toninho! Abraços.

    ResponderExcluir
  23. Naõ podendo fugir da realidade ,fica as homenagens ao Mártir...
    A comunidade Caiana dos Crioulos em Alagoa Grande(Paraiba)Minha terra natal , foi o primeiro quilombola da Paraíba reconhecido pela fundação Cultural Zumbi dos Palmares. .... Brasil ocupa 14º lugar em ranking de países ...
    bjs meu querido !!!!!

    Ps;Se queres saber mais da minha terra entra no blog do meu conterrâneo.

    http://rafaelrag.blogspot.com.br/2012/11/dia-da-consciencia-negra-relembra-zumbi.html

    ResponderExcluir




Obrigado pela sua visita.
Alguma dificuldade ou desconforto neste blog como tamanho de fonte, dificuldade de comentar, links maliciosos etc favor comunicar para corrigir.
Caso não tenha um blog poderá comentar como anonimo e no fim colocar seu nome ou não para que possa agradecer.
Fique a vontade!
Meu abraço de paz e luz.